Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
11 Novembro 2015

O humanismo cristão afirma radicalmente a dignidade de cada pessoa como Filho de Deus, estabelece entre todos os seres humanos uma fraternidade fundamental,

ensina a compreender o trabalho, a habitar a criação como casa comum, fornece razões para a alegria e o humorismo, também no meio de uma vida muitas vezes deveras dura.

 
versão para impressão

As nossas mesmas formulações de fé são fruto de um diálogo e de um encontro entre culturas, comunidades e instâncias diferentes. Não devemos ter medo do diálogo: aliás, é precisamente o confronto e a crítica que nos ajuda a evitar que a teologia se transforme em ideologia.
Recordai-vos também que o melhor modo para dialogar não é falar e debater, mas fazer algo juntos, construir juntos, fazer projectos: não sozinhos, entre católicos, mas juntamente com todos os que têm boa vontade

E sem medo de realizar o êxodo necessário a todos os diálogos autênticos. Caso contrário não é possível compreender as razões do outro, nem entender até ao fundo que o irmão conta mais do que posições que julgamos distantes das nossas certezas mesmo que autênticas. É irmão.

Mas a Igreja saiba também dar uma resposta clara face às ameaças que emergem no interior do debate público: esta é uma das formas do contributo específico dos crentes para a construção da sociedade comum. Os crentes são cidadãos. E digo isto aqui em Florença, onde arte, fé e cidadania sempre foram compostas num equilíbrio dinâmico entre denúncia e proposta. A nação não é um museu, mas uma obra colectiva em construção permanente na qual devem pôr em comum precisamente as coisas que diferenciam, inclusive as pertenças políticas ou religiosas.

Lanço um apelo sobretudo «a vós, jovens, porque sois fortes», dizia o Apóstolo João (cf. 1 Jo 1, 14). Jovens, superai a apatia. Que ninguém despreze a vossa juventude, mas aprendei a ser modelos no falar e no agir (cf. 1 Tm 4, 12). Peço-vos que sejais construtores da Itália, que vos coloqueis ao trabalho por uma Itália melhor. Por favor, não olheis da varanda da vida, mas comprometei-vos, imergi-vos no amplo diálogo social e político. As mãos da vossa fé se ergam ao céu, mas façam-no enquanto edificam uma cidade construída sobre relações nas quais o amor de Deus é o fundamento. E assim sereis livres para aceitar os desafios de hoje, para viver as mudanças e as transformações.

Pode-se dizer que hoje não vivemos uma época de mudança mas uma mudança de época. Portanto, as situações que vivemos hoje apresentam desafios novos que para nós às vezes são até difíceis de compreender. Este nosso tempo exige que vivamos os problemas como desafios e não como obstáculos: o Senhor é activo e age no mundo. Por conseguinte, saí pelas ruas e ide às encruzilhadas: todos os que encontrardes, chamai-os, sem excluir ninguém (cf. Mt 22, 9). Sobretudo, acompanhai quem ficou à beira da estrada, «coxos, aleijados, cegos, surdos» (Mt 15, 30). Onde quer que estiverdes, nunca construais muros nem fronteiras, mas praças e hospitais de campo.

 

Do discurso do Papa Francisco ao V Congresso nacional da Igeja Italiana - Florença 10 de Novembro de 2015


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
21 Novembro 2016

Seria conveniente que cada comunidade pudesse, num domingo do Ano Litúrgico, renovar o compromisso em prol da difusão, conhecimento e aprofundamento da Sagrada Escritura: um domingo dedicado inteiramente à Palavra de Deus

IT | EN | ES | DE | FR | PT
17 Novembro 2016

Os pobres ensinam a solidariedade ao mundo! Quando há muita riqueza, esquecemo-nos de ser solidários

IT | ES | FR | PT
7 Novembro 2016

Onde à violência se responde com o perdão, aí também o coração de quem errou pode ser vencido pelo amor

IT | EN | ES | DE | FR | PT
29 Outubro 2016

Em Assis todos juntos falamos da paz e pedimos a paz. Dissemos juntos palavras fortes para a paz,

IT | DE | FR | PT
21 Outubro 2016

Há sempre alguém que sente fome e sede e precisa de mim. Não posso delegar outra pessoa.

IT | EN | ES | DE | FR | PT | HU
17 Outubro 2016

Sinto o dever de chamar a atenção para a realidade dos migrantes de menor idade, especialmente os deixados sozinhos, pedindo a todos para cuidarem das crianças

IT | DE | FR | PT
todas as notícias
• IMPRIMIR
31 Outubro 2015
La Repubblica

Papa Francesco, Romero martire due volte: "Dopo la sua morte per mano dei vescovi"

28 Julho 2014
Il Mattino

Riccardi: svolta storica, la preghiera può unirci

4 Setembro 2013
L'Osservatore Romano

Associazioni e movimenti laicali in vista della giornata di digiuno e orazione

3 Setembro 2013
L'Eco di Bergamo

«Papa Francesco così ha spiazzato tutte le diplomazie»

22 Agosto 2013
Famiglia Cristiana

La via aperta da Francesco al dialogo tra le religioni

todos os press releases

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri