Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
2 Janeiro 2016 | ROMA, ITÁLIA

O mundo muda quando dizemos “interessa-me, I care”: A saudação de Marco Impagliazzo na marcha pela paz.

 
versão para impressão

A saudação feita por Marco Impagliazzo, presidente da Comunidade de Sant'Egidio, no início da Marcha: "Paz em todas as terras":

Saudamos todos aqueles que estão aqui connosco, os religiosos e as religiosas, os escuteiros, as crianças e os jovens que guiam a nossa marcha pela paz.

As crianças são aquelas que querem mais que todos a paz. É verdade? Sim, crianças e jovens são aqueles que mais que todos querem a paz e portanto nós hoje tornamo-nos mais jovens – apesar de entrarmos num novo ano – com um grande desejo de paz. O ano passado dizíamos que queríamos procurar uma paz popular e de facto o caminho deste ano foi bonito e importante porque tantas pessoas de boa vontade juntaram-se no mundo a este caminho de paz da Comunidade de Sant’Egídio. A paz está a tornar-se mais popular: está a alargar-se a um grande pedido de paz que vem do mundo, e são tantos aqueles que começam a manifestar e a empenhar-se pela paz. Com este belo sinal iniciamos 2016!

Este ano há tantos aniversários a recordar, mas quero recordar apenas um: 30 anos do nascimento daquele que foi chamado o espirito de Assis. Em 1986, o papa João Paolo II chamou todas as religiões a Assis, na cidade de São Francisco – o santo da paz – a rezar juntos pela paz, não mais um contra o outro, mas um ao lado do outro, juntos. Este ano recordamos com força este aniversário, porque sentimos que verdadeiramente todas as pessoas que pertencem a uma religião – cristãos, muçulmanos, budistas, indus – todos têm um grande trabalho a fazer pela paz.
Dissemo-lo muitas vezes, mas hoje quero dize-lo de novo: só a paz é santa, nenhuma guerra é santa. É importante dize-lo. Esta é a mensagem do Espirito de Assis: só a paz é santa, todas as religiões conduzem-nos e devem conduzir-nos à paz. E esta é a maior derrota para o terrorismo: dizer e repetir que nenhuma guerra é santa.

Olhemos Roma, a Itália, a Europa. Os nossos países, as nossas cidades, as escolas, os locais de trabalho, as praças, os bairros onde vivemos, são todos lugares onde se pode viver e construir a paz. As nossas cidades europeias, Roma, são um caso de teste para a construção da paz, porque nós hoje vivemos – como vimos também hoje – com muitas pessoas que vêm de todas as partes do mundo. Chamamos-lhes estrangeiros, mas nós queremos chamar-lhes  novos europeus. É importante dizê-lo.

Vivemos assim com tantos novos italianos, novos europeus. E podemos construir a paz vivendo juntos, aprendendo a conhecer-nos, desde as escolas aos locais de trabalho, dos mercados às ruas das nossas cidades. Alguém nos disse nos últimos dias que amar os valores é importante, mas demasiado fácil, por outro lado é mais importante amar as pessoas. Nós queremos amar e conhecer as pessoas que vivem connosco porque só conhecendo-nos aprenderemos a viver a paz.

Na mensagem deste ano o Papa disse-nos: “Se querem viver a paz devem vencer a Indiferença”. Parecem palavras difíceis de compreender, mas têm um grande significado. Muitas vezes existem guerras porque ninguém se ocupa delas. Não nos preocupamos com quem sofre pela guerra. Somos indiferentes quando dizemos: é uma coisa longínqua a nós. Estamos indiferentes quando nos fechamos em nós mesmos e os outros nos metem medo e muitas vezes ariscamo-nos a considera-los inimigos, estranhos a nós. Mas fechamo-nos em nós mesmo por medo ou por orgulho. Assim não se conquista a paz, mas dividimo-nos. Vencer a indiferença quer dizer que eu me importo, eu me interesso. És meu irmão e portanto preocupo-me por ti: é esta a primeira forma para não deixar sozinhas as pessoas que sofrem.

Trouxemos muitos cartões com os nomes dos países que sofrem pela guerra. Representam milhões de pessoas que estão a sofrer. Hoje queremos dizer que estas pessoas nos interessam, que não queremos mudar de canal quando vemos o seu sofrimento, que queremos falar-lhes, queremos conhece-las. Esta é a primeira  forma de construir a paz.
Existe um exemplo disto: A viagem do papa na República Centro-Africana. Muitos estavam preocupados com esta viagem, diziam que era perigoso. Mas o papa foi, acendendo os holofotes da comunidade internacional sobre este país esquecido da África. E nestes dias decorreram eleições pacificas na Republica centro-Africana. É um sinal imporante! Se não formos indiferentes, se acendermos as luzes sobre uma situação, se dissermos o que nos interessa, construímos a paz.

EM ’68 os jovens americanos que queriam um mundo melhor diziam “I care”, interessa-me. Uma frase que o padre Milani colocou no coração da sua escola. Hoje, se também nós dissermos “I care”, interessa-me, a paz pode vencer!

(Texto gravado ao vivo pela redaçã)


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
8 Dezembro 2016

Líbia, Sant'Egidio: primeira reconciliação entre Misrata e Zintan

IT | DE | FR | PT
21 Novembro 2016
ROMA, ITÁLIA

Paz na República Centro-Africana: os líderes religiosos de Bangui em Sant'Egidio relançam a plataforma para a reconciliação

IT | ES | DE | FR | PT | CA
14 Novembro 2016
BRUXELAS, BÉLGICA

Continua o compromisso de Sant'Egidio para o Iraque: hoje em Bruxelas um dia de Estudo com o Comité para a Reconciliação

IT | ES | DE | FR | PT
21 Março 2011

Jos (Nigéria) - Conferência sobre a paz, o serviço aos pobres e o diálogo inter-religioso

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL
2 Janeiro 2011

Em Roma, o Papa saudou os que participaram à caminhada “Paz em todas as terras” promovida pela Comunidade de Sant’Egidio

IT | ES | DE | FR | PT | CA | NL | CS
4 Novembro 2010

Paris: A Fundação Chirac conferiu o Prémio pela prevenção dos conflitos a Mario Giro da Comunidade de Sant’Egidio

IT | ES | FR | PT | CA
todas as notícias
• IMPRIMIR
8 Dezembro 2016
Vatican Insider

Libia, Sant’Egidio: prima riconciliazione tra Misurata e Zintan

7 Dezembro 2016
Toscana oggi

Sant'Egidio: a Natale tavola imbandita per 200mila poveri

3 Dezembro 2016
Radio Vaticana

Pace in Colombia: ex guerriglieri iniziano il disarmo

23 Novembro 2016
Il Fatto Quotidiano

Non solo faide, al Sud si parla di pace

22 Novembro 2016
Avvenire

Sant'Egidio. «Quella in Centrafrica non è una guerra di religione»

22 Novembro 2016
L'huffington Post

Se Bangui diventa il centro del mondo con il Cardinale, l'Imam e il Pastore

todos os press releases
• EVENTOS
23 Novembro 2016

Migranti: il Premio Galileo 2000 alla Comunità di Sant'Egidio

16 Novembro 2016 | CERGY, FRANÇA

La globalizzazione e l'arte della pace: il ruolo di Sant'Egidio, con Andrea Riccardi

Todas as reuniões de oração pela paz
• PENA DE MORTE NO
7 Outubro 2015
UNITED STATES

The World Coalition Against the Death Penalty - XIII world day against the death penalty

5 Outubro 2015
EFE

Fallece un preso japonés tras pasar 43 años en el corredor de la muerte

24 Setembro 2015

Pope Francis calls on Congress to end the death penalty. "Every life is sacred", he said

12 Março 2015
Associated Press

Death penalty: a look at how some US states handle execution drug shortage

12 Março 2015
AFP

Arabie: trois hommes dont un Saoudien exécutés pour trafic de drogue

9 Março 2015
Reuters

Australia to restate opposition to death penalty as executions loom in Indonesia

9 Março 2015
AFP

Le Pakistan repousse de facto l'exécution du meurtrier d'un critique de la loi sur le blasphème

9 Março 2015
AFP

Peine de mort en Indonésie: la justice va étudier un appel des deux trafiquants australiens

28 Fevereiro 2015
UNITED STATES

13 Ways Of Looking At The Death Penalty

15 Fevereiro 2015

Archbishop Chaput applauds Penn. governor for halt to death penalty

11 Dezembro 2014
MADAGÁSCAR

C’est désormais officiel: Madagascar vient d’abolir la peine de mort!

3 Dezembro 2014

5th Circuit Court of Appeals stops execution of Scott Panetti!

ir para nenhuma pena de morte
• DOCUMENTOS

Libya: The humanitarian agreement for the region of Fezzan, signed at Sant'Egidio on June 16th 2016 (Arabic text)

Nuclear Disarmament Symposium on the 70 th anniversary of the atomic bomb. Hiroshima, August 6 2015

todos os documentos
• LIVROS

Il martirio degli armeni





La Scuola

Religioni e violenza





Francesco Mondadori
todos os livros

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri