Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
29 Abril 2016

Malawi. Nunca mais invisíveis: Sant'Egidio "regista" 20 mil crianças

90% da população não está inscrito no registo. Agora, a Comunidade lançou um projeto para fornecer a identidade legal aos recém-nascidos

 
versão para impressão

Malawi. Nunca mais invisíveis: Sant'Egidio "regista" 20 mil crianças

90% da população não está inscrito no registo. Agora, a Comunidade lançou um projeto para fornecer a identidade legal aos recém-nascidos

 
versione stampabile

Chamam-no de "povo dos invisíveisi". 90 por cento dos habitantes do Malawi, o país mais pobre da África, não está inscrito no registo. A herança do período colonial, que terminou em 1964, quando a inscrição no registo nacional era obrigatório apenas para os residentes estrangeiros. Nas décadas depois da independência, a "invisibilidade legal" das crianças foi mantida. Até 2010. Nesse ano, o governo decidiu estabelecer o National Register Act. Os decretos de actuação, no entanto, entraram em vigor somente em Agosto de 2015. Para preencher a lacuna, a Comunidade de Sant'Egidio, no Malawi desde 1999, fez uma parceria com o executivo local, a fim de registar a população.

Os resultados, nos primeiros quatro meses de trabalho, são encorajadores. O programa Bravo! - Sigla em inglês para "registo de nascimento para todos" e já ativo em vários países do continente, incluindo Moçambique e Burkina Faso - recolheu só no distrito de Balaka, 20 mil pedidos.

Como destacado por Marco Impagliazzo, presidente da Sant'Egidio, que está de visita nestes dias no Malawi, o registo é um pré-requisito para o acesso a quaisquer outros direitos: permite de estudar e trabalhar legalmente, torna as crianças menos vulneráveis ​​do risco de ser recrutados por grupos armados ou acabar vítimas da escravidão, abuso sexual, o casamento infantil. Graças a Bravo! - disse Impagliazzo - "as crianças já não são invisíveis. Eles existem e com eles as suas famílias. E existe, portanto, toda uma sociedade. Com a aplicação da legislação para a inscrição, Malawi dá um passo decisivo para o desenvolvimento do país, com base no reconhecimento dos direitos fundamentais dos cidadãos.


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
8 Novembro 2011

Burkina Faso - Visita do ministro da Administração territorial aos cursos de formação para os agentes do registo civil

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL | RU
2 Novembro 2011

Ouagadougou (Burquina-Faso) - Inaugurado o primeiro curso de formação dos agentes do registo civil promovido pelo Bravo! para o registo universal e gratuito dos nascimentos

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA
6 Setembro 2011

"Bravo!", a campanha do registo gratuito dos nascimentos, chegou em Moçambique!

IT | ES | DE | FR | PT | CA | RU
16 Setembro 2010

Mbeya (Tanzânia): Inscrição ao Registo Civil das crianças do orfanato de Simike

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL
30 Junho 2010

Ouagadougou (Burkina Faso): Curso de formação do programa "BRAVO!" dedicado aos chefes de estado civil do Registo

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL | ID
29 Junho 2010

Ouagadougou (Burkina Faso): "Ajuda-me a existir". Colóquio Internacional sobre o estado civil em África. O exemplo do Burkina Faso

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL | ID
todas as notícias
• IMPRIMIR
18 Julho 2017
Avvenire

Malawi. «Bravo!» salva i bambini invisibili

17 Julho 2017
OnuItalia

Sant’Egidio in Malawi, convegno su solidarietà per i poveri, tenerezza per gli anziani

25 Maio 2017
Corriere della Sera

''Ho visto piangere la first daughter con le ragazze scampate alla tratta''

24 Julho 2017
OnuItalia

#pathofpeace, Sant’Egidio presenta incontro internazionale di settembre in Germania

22 Julho 2017
Avvenire

Un mondo ferito dalle guerre ha bisogno di «strade di pace»

22 Julho 2017
Corriere della Sera

Merkel e i leader religiosi riuniti da Sant'Egidio in Germania

todos os press releases
• DOCUMENTOS

Speech of Marco Impagliazzo at the UN Security Council on the situation in the Central African Republic

todos os documentos

FOTOS

369 visitas

368 visitas

359 visitas

316 visitas

354 visitas
todos os meios de comunicação relacionados