Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
13 Abril 2012 | BEIRA, MOÇAMBIQUE

Uma Oração para acabar com a prática dos linchamentos

Na Beira mais de 500 pessoas pedem paz e reconciliação para a cidade

 
versão para impressão

La chiesa gremita da più di 500 personeTeve lugar, ontem, na Beira, na paróquia da Munhava, uma Oração Pela Paz e Reconciliação – para acabar com os linchamentos e com cada tipo de violência, à presença do Bispo (Administrador Apostólico da Cidade), Dom João Carlos Nunes, e mais de 500 pessoas.

Na cidade da Beira os linchamentos são, infelizmente, muito frequentes: é suficiente que se comece a gritar: “ladrão, ladrão!” indicando alguém, para que este seja apanahdo pela população, amarrado, enrolado por pneus e queimado. As pessoas em volta, sobretudo crianças e jovens, no entanto gritam: “queima-o, queima-o!”. Muitas vezes utuliza-se este método para se vingar de alguém e muitos dos que  são queimados nem sequer fizeram nada.

La lettura dell'appello di pace e riconciliazione promosso dalla Comunità di Sant'EgidioO último linchamento aconteceu a 1 de Abril, Domingo de Ramos. Miguel, um jovem com cerca de 30 anos, sem ter cometido nenhum crime, foi indicado como ladrão e logo acercado pela multidão. Tentou safar sua vida oferecendo o telemóvel e aquele pouco dinheiro que tinha no bolso, mas foi inútil. 

Bateram-no até ele perder os sentidos earrastaram-no num local do bairro, onde “normalmente”os supostos ladrões são executados, para ser queimado.

A Comunidade de Sant’Egidio da Beira ficou chocada por este bàrbaro acontecimento, mesmo no começo da Semana Santa, e não pôde deixar de reagir, comparando-o com a Paixão de Jesus, primeiramente condenando o linchamento com um comunicado de imprensa, e depois através da convocação de uma oração pública.

Vengono bruciate nel bracere le richieste di perdono per le complicità con gli atti di violenzaAo longo da oração, duras foram as palavras de condenação para com os actos de violência e os linchamentos. O Bispo, Dom João Carlos, depois de ter agredecido a Comunidade por ter realizado a oração, na sua homília afirmou claramente que quem assistir num linchamento, mesmo sem fazer nada, peca e não é digno de receber a comunhão. Por isso pediu aos presentes de escrever num papelinho um pedido de perdão, pelas vezes em que se ficou cúmplices ou indiferentes perante os linchamentos ou a violência.

Todos deitaram, a seguir, o próprio pedido num alguidar, queimando-o como sinal de purificação. O Bispo recordou, também as palavras de Dom Romero, quando do altar pedia que se acabasse com a violência e as mortes, para dizer que aquele basta deve ser repetido para mandar parar os linchamentos.

Tambêm a Comunidade, na sua mensagem, recordou o Basta! De Jesus quando está para ser preso, para mandar parar as espadas, e com elas a violência dos linchamentos.

 

  Un momento di commozione durante l'abbraccio di pace A Comunidade tem, depois, comparado aquele lugar do bairro da Munhava, onde 4 pessoas foram linchadas e queimadas, com um novo Gólgota, e fez a proposta de plantar naquele mesmo lugar uma Cruz, para recordar todos os que ali morreram e para evitar que outros sejam ali linchados e queimados. No fim da oração foi assinado um apelo para acabar com a prática bárbara dos linchamentos.
Os moradores do bairro que participaram na oração, agradeceram a Comunidade porque finalmente a Munhava já não será mais mencionada apenas pelos linchamentos, mas também por um evento bonito e significativo como a Oração pela Paz e Reconcilação que tinha mal acabado.

 

Anche il Vescovo Nunes firma l'appello di pace


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
7 Dezembro 2016
LONDRES, REINO UNIDO

Em Londres, há uma mesa para os pobres, chama-se de ''Our Cup of Tea''. O vídeo da BBC

IT | EN | DE | FR | PT | HU
20 Novembro 2016

Dia mundial dos direitos da criança: Sant'Egidio ao lado das crianças

IT | ES | DE | PT | HU
16 Novembro 2016
BEIRA, MOÇAMBIQUE

o Jubileu da Misericórdia na periferia africana: a oração de Sant'Egidio com os idosos de Nhangau

IT | ES | DE | PT
5 Outubro 2016
MAPUTO, MOÇAMBIQUE

Em Moçambique a 4 de Outubro o encontro das religiões pela paz

IT | PT
4 Outubro 2016

Sant'Egidio e Moçambique, a história de uma paz - e de uma amizade - que hoje completa 24 anos

IT | DE | FR | PT
11 Setembro 2016

Jubileu da Misericórdia com mais de 500 crianças em Pemba, Moçambique

IT | ES | DE | FR | PT
todas as notícias
• IMPRIMIR
7 Dezembro 2016
Il Secolo XIX

Spettro povertà, l'aiuto riparta dalle periferie

5 Dezembro 2016
Corriere della Sera

La chiave sotto una campana di vetro. Misteriose opere di artisti disabili

3 Dezembro 2016
Avvenire

Corridoi umanitari, quota 500 Arrivano da Homs e Aleppo

1 Dezembro 2016
Il Piccolo

«Chi chiede l'elemosina è vittima di pregiudizi»

22 Novembro 2016
Giornale di Sicilia

«In difficoltà soprattutto gli anziani che per anni hanno aiutato figli e nipoti»

6 Novembro 2016
Würzburger katholisches Sonntagsblatt

Von Gott berührt

todos os press releases
• DOCUMENTOS

La Comunità di Sant'Egidio e i poveri in Liguria - report 2015

Corso di Alta Formazione professionale per Mediatori europei per l’intercultura e la coesione sociale

Sintesi, Rapporti, Numeri e dati sulle persone senza dimora a Roma nel 2015

Le persone senza dimora a Roma

Alcune storie raccolte al telefono della Comunità di Sant’Egidio - 2014

La povertà in Italia

todos os documentos
• LIVROS

La fuerza de los años





Ediciones Sígueme

Le città vogliono vivere





Giuliano Ladolfi Editore
todos os livros

FOTOS

178 visitas

232 visitas

159 visitas

146 visitas
todos os meios de comunicação relacionados

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri