Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
12 Novembro 2012 | ROMA, ITÁLIA

"Quem abre espaço para os idosos abre espaço à vida". O texto completo de Papa Bento XVI ao longo do encontro com a Comunidade de Sant'Egidio

 
versão para impressão

 VISITA Á CASA-FAMÍLIA «VIVA OS IDOSOS»  - PALAVRAS DO SANTO PADRE BENTO XVI

Roma, Segunda-feira, 12 de Novembro de 2012

"Caros irmãos e irmãs,

Estou verdadeiramente alegre de estar convosco nesta casa-família da Comunidade de Sant’Egidio dedicada aos idosos. Agradeço o vosso Presidente, professor Marco Impagliazzo, pelas calorosas palavras que me dirigiu. Além dele, saúdo o professor Andrea Riccardi, Fundador da Comunidade. Agradeço pela sua presença o Bispo auxiliar do Centro histórico, Dom Matteo Zuppi, o Presidente do Pontifício Conselho para a Família, Dom Vincenzo Paglia, e todos os amigos da Comunidade de Sant’Egidio. 

Venho entre vocês como Bispo de Roma, mas também como idoso em visita aos seus pares. Conheço bem as dificuldades, os problemas e os limites desta idade, e sei que estas dificuldades, para muitos, são agravadas pela crise económica. Por vezes, a uma certa idade, acontece de voltar-se ao passado, tendo saudade de quando se era jovem, gozava-se de energias novas, fazia-se projectos para o futuro. Assim o olhar, às vezes, é velado com tristeza, considerando esta fase da vida como o tempo do por do sol. Esta manhã, dirigindo-me idealmente a todos os idosos, embora na consciência das dificuldades que a nossa idade comporta, gostaria de dizer-vos com profunda convicção: é belo ser idoso! Em cada idade precisa saber descobrir a presença e a benção do Senhor e as riquezas que ela contém. Não precisa nunca aprisionar-se na tristeza! Recebemos o dom de uma vida longa. Viver é belo também na nossa idade, apesar de alguma “doença” ou de alguma limitação. O nosso rosto haja sempre a alegria de sentirmo-nos amados por Deus, nunca a tristeza. 

Na Bíblia, a longevidade é considerada uma benção de Deus; hoje esta benção se espalhou e deve ser vista como um dom para apreciar e valorizar. No entanto, a sociedade muitas vezes, dominada pela lógica da eficiência e do lucro, não o acolhe como tal; de facto, muitas vezes o rejeita, considerando os idosos como não produtivos, inúteis. Tantas vezes se sente o sofrimento de quem é marginalizado, vive longe da própria casa ou está na solidão. Penso que se deveria operar com maior empenho, iniciando pela família e pelas instituições públicas, para fazer com que os idosos possam permanecer nas próprias casas. A sabedoria de vida da qual nós somos portadores é uma grande riqueza. A qualidade de uma sociedade, gostaria de dizer de uma civilização, é julgada também pelo modo com que os idosos são tratados e pelo lugar reservado a eles no viver comum. Quem abre espaço para os idosos abre espaço à vida! Quem acolhe os idosos acolhe a vida”. 

A Comunidade de Sant’Egidio, desde o seu início, apoiou o caminho de tantos idosos, ajudando-os a ficar em seus ambientes de vida, abrindo várias casas-família em Roma e no mundo. Através da solidariedade entre os jovens e os idosos, ajudou a fazer compreender como a Igreja é efectivamente família de todas as gerações, na qual cada um deve sentir-se “em casa” e onde não reina a lógica do lucro ou do ter, mas aquela da gratuidade e do amor.Quando a vida se torna frágil, nos anos da velhice, não perde o seu valor e a sua dignidade: cada um de nós, em qualquer etapa da existência, é querido, é amado por Deus, cada um é importante e necessário (cfr Homilia pelo início do Ministério Petrino, 24 de Abril de 2005).

 

A visita de hoje se coloca no ano europeu do envelhecimento activo e da solidariedade entre as gerações. E neste contexto quero reiterar que os idosos são um valor para a sociedade, sobretudo para os jovens. Não pode haver verdadeiro crescimento humano e educação sem um contato fecundo com os idosos, porque a sua própria existência é como um livro aberto no qual as jovens gerações podem encontrar preciosas orientações para o caminho da vida. 

Queridos amigos, na nossa idade fazemos a própria experiência da necessidade de ajuda dos outros; e isto acontece também para o Papa. No Evangelho lemos que Jesus disse ao apóstolo Pedro: “Quando eras mais novo, tu mesmo atavas o cinto e ias para onde querias; mas, quando fores velho, estenderás as mãos e outro te há-de atar o cinto e levar para onde não queres” (Jo 21, 18). O Senhor se referia ao modo com o qual o Apóstolo tinha testemunhado a sua fé até o martírio, mas esta frase nos faz reflectir sobre o facto de que a necessidade de ajuda é uma condição do idoso. Gostaria de convidar-vos a ver também nisso um dom do Senhor, porque é uma graça ser apoiado e acompanhado, sentir o carinho dos outros! Isto é importante em cada fase da vida: ninguém pode viver sozinho e sem ajuda; o ser humano é relacional. E nesta casa vejo, com prazer, que os que ajudam e os que são ajudados formam uma única família, que tem como linfa vital o amor. 

Caros irmãs e irmãos idosos, às vezes os dias parecem longos e vazios, com dificuldade, poucos compromissos e encontros; não desanimem nunca: vocês são uma riqueza para a sociedade, também no sofrimento e na doença. E esta fase da vida é um dom também para aprofundar a relação com Deus. O exemplo do beato João Paulo II foi e ainda é esclarecedor para todos. Não esqueçam que entre os recursos preciosos que vocês têm, há aquele que é essencial da oração: tornar-se intercessores junto a Deus, orando com fé e com constância. Rezem pela Igreja, também por mim, pelas necessidades do mundo, pelos pobres, para que no mundo não tenha mais violência. A oração dos idosos pode proteger o mundo, ajudando-o, talvez, de modo mais incisivo que o agitar-se de muitos. Gostaria de confiar hoje à vossa oração o bem da Igreja e a paz do mundo. O Papa vos ama e conta com todos vocês! Sintam-se amados por Deus e saibam levar nesta nossa sociedade, muitas vezes tão individualista e tecnicista, um raio do amor de Deus. E Deus estará sempre convosco e com quantos vos apoiam com o seu carinho e com a sua ajuda. 

Confio todos vós à materna intercessão da Virgem Maria, que acompanha sempre o nosso caminho com o seu amor materno, e de bom grado concedo a cada um a minha Benção Apostólica. Obrigado a todos!"

 

Após a visita à Casa, Bento XVI proferiu algumas palavras de saudação "de forma espontânea":

"Queridos amigos,

Saio rejuvenescido e fortalecido por esta visita aos idosos, ver como até mesmo na velhice a vida pode ser boa, porque há anjos que te ajudam, anjos visíveis que visitam, ajudam, comprometem-se e assim eles enriquecem, têm um horizonte mais amplo , têm uma vida mais vasta e bela; para mim foi uma experiência verdadeiramente maravilhosa ver como o espírito do Senhor, o espírito de Cristo abre os nossos olhos para com os outros, abre os olhos também para com os idosos, os doentes, os abandonados, faz redescobrir neles o rosto de Jesus e, assim, cria amor entre as gerações, entre ricos e pobres, entre os que são formados na cultura e outros menos formados e todos se reconhecem como filhos de Deus e como irmãos e irmãs: e isso é uma coisa boa , que realmente se vê Jesus vivo, o Espírito Santo é o Espírito que ama e que é amor, é eficiente neste mundo. Esperamos que esta força se espalhe e transforme  mais e mais a sociedade toda. Obrigado a todos, bom dia."

Roma 12 de Novembro de 2012


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
20 Dezembro 2016
ITÁLIA

Terramoto: Sant'Egidio e Câmara Municipal de Amatrice assinam um memorando para apoiar os idosos

IT | FR | PT
7 Dezembro 2016
LONDRES, REINO UNIDO

Em Londres, há uma mesa para os pobres, chama-se de ''Our Cup of Tea''. O vídeo da BBC

IT | EN | ES | DE | FR | PT | NL | HU
16 Novembro 2016
BEIRA, MOÇAMBIQUE

o Jubileu da Misericórdia na periferia africana: a oração de Sant'Egidio com os idosos de Nhangau

IT | ES | DE | PT
5 Julho 2016
MOÇAMBIQUE

Os idosos 'descartados' de Moçambique em peregrinação, da solidão à misericórdia do Jubileu

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | HU
27 Junho 2016
PEMBA, MOÇAMBIQUE

Em Pemba, um povo de pobres e doentes, atravessa a Porta Santa com a Comunidade de Sant'Egidio

IT | EN | ES | DE | FR | PT
14 Junho 2016
BUKAVU, REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DO CONGO

Jubileu da Misericórdia em Congo: os idosos de Bukavu celebram-no com Sant'Egidio

IT | ES | DE | PT | CA | RU | HU
todas as notícias
• IMPRIMIR
2 Fevereiro 2017
Il Secolo XIX

Gli anziani siano un'opportunità, non un problema

21 Dezembro 2016
Radio Vaticana

Sisma: anziani, protocollo tra Sant'Egidio e Comune di Amatrice

20 Dezembro 2016
SIR

Terremoto: Comunità Sant’Egidio, firmato protocollo a sostegno anziani

5 Dezembro 2016
Corriere della Sera

La chiave sotto una campana di vetro. Misteriose opere di artisti disabili

6 Novembro 2016
Würzburger katholisches Sonntagsblatt

Von Gott berührt

31 Outubro 2016
La Nazione

Giubileo degli anziani e festa di Sant'Abramo in Santissima Annunziata a Firenze

todos os press releases
• DOCUMENTOS

Intervención de Irma, una anciana de Roma, durante la visita del papa Francisco a Sant'Egidio

todos os documentos
• LIVROS

La fuerza de los años





Ediciones Sígueme

L'abbraccio di Gerusalemme





Paoline
todos os livros

FOTOS

558 visitas

576 visitas

576 visitas
todos os meios de comunicação relacionados