Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eis o Evangelho dos pobres,
a libertação dos prisioneiros,
a vista dos cegos,
a libertação dos oprimidos

Aleluia aleluia, aleluia

Actos dos Apóstolos 17,15-21

Os que acompanhavam Paulo levaram-no a Atenas e regressaram, incumbidos de transmitir a Silas e a Timóteo a ordem de irem reunir-se a Paulo o mais rapidamente possível. Enquanto Paulo os esperava em Atenas, o espírito fremia-lhe de indignação, ao ver a cidade repleta de ídolos. Discutia na sinagoga com os judeus e prosélitos e, na praça pública, todos os dias, com os que lá apareciam. Até alguns filósofos epicuristas e estóicos trocavam impressões com ele. Uns diziam: «Que quererá dizer este papagaio?» Outros: «Parece que é um pregoeiro de deuses estrangeiros.» Isto, porque Paulo anunciava a Boa-Nova de Jesus e a ressurreição. Levaram-no com eles ao Areópago e disseram-lhe: «Poderemos saber que nova doutrina é essa que ensinas? O que nos dizes é muito estranho e gostaríamos de saber o que isso quer dizer.» Na verdade, tanto os atenienses como os estrangeiros residentes em Atenas não passavam o tempo noutra coisa, senão a dizer ou a escutar as últimas novidades.

 

Aleluia aleluia, aleluia

O Filho do Homem veio para servir
quem quiser ser grande, faça-se servo de todos

Aleluia aleluia, aleluia

A perseguição, por um singular projecto de Deus, levava os discípulos a dirigirem-se a outros lugares para proclamarem também aí a Boa Notícia do Reino. O Senhor transformava em vantagem para o Evangelho a dureza dos homens que se opunham a Ele. Paulo chega, portanto, a Atenas como um fugitivo. Apesar da cidade já não ser assim tão próspera como nos tempos de Platão, continuava, no entanto, a ser uma grande capital. Na narração de Lucas, depois de Jerusalém e antes de Roma, Paulo deveria proclamar o Evangelho na capital da cultura daquele tempo. Chegado à cidade, Paulo não começou logo o confronto com os atenienses. Preferiu misturar-se no tráfico da ágora e no mercado para colher a sensibilidade dos atenienses. O desafio era delicadíssimo e Paulo sabia-o muito bem. Por isso, queria compreender, de dentro, podemos dizer, a cultura, os costumes, a sensibilidade, a vida dos atenienses. O grande interrogativo que Paulo tinha na mente era claro: Conseguiria Jerusalém conquistar Atenas? Conseguiria o Evangelho tocar o coração do Areópago? É a mesma questão que continuamos a pôr-nos hoje perante os muitos areópagos deste mundo, perante as muitas culturas que habitam o planeta e que atravessam os corações e as mentes dos homens. A audácia de Paulo, que com coragem se apresenta diante dos sábios de Atenas, mostra-nos que nenhum areópago está alheio à pregação, nenhuma cultura está alheia ao Evangelho. Antes pelo contrário, os areópagos de hoje aguardam discípulos que saibam anunciar com sabedoria e vigor a salvação que vem de Jesus. É o grande desafio que todos os cristãos têm diante de si e que não podem iludir porque só o Evangelho pode tornar mais humano o mundo em que vivemos.


20/10/2017
Oração da Santa Cruz


Calendário da semana
NOV
19
Domingo, 19 de Novembro
Liturgia dominical
NOV
20
Segunda-feira, 20 de Novembro
Oração pela Paz
NOV
21
Terça-feira, 21 de Novembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
NOV
22
Quarta-feira, 22 de Novembro
Oração com os santos
NOV
23
Quinta-feira, 23 de Novembro
Oração pela Igreja
NOV
24
Sexta-feira, 24 de Novembro
Oração da Santa Cruz
NOV
25
Sábado, 25 de Novembro
Oração da vigília
NOV
26
Domingo, 26 de Novembro
Liturgia dominical