Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

O Espírito Santo virá sobre ti
Aquele que nascer de ti será santo.

Aleluia aleluia, aleluia

São Lucas 13,18-21

Disse, então: «A que é semelhante o Reino de Deus e a que posso compará-lo? É semelhante a um grão de mostarda que um homem tomou e deitou no seu quintal. Cresceu, tornou-se uma árvore e as aves do céu vieram abrigar-se nos seus ramos.» Disse ainda: «A que posso comparar o Reino de Deus? É semelhante ao fermento que certa mulher tomou e misturou com três medidas de farinha, até ficar levedada toda a massa.»

 

Aleluia aleluia, aleluia

Eis, Senhor, os vossos servos:
Faça-se em nós segundo a vossa palavra

Aleluia aleluia, aleluia

Estas duas pequenas parábolas podem ser melhor compreendidas se forem colocadas no contexto da crescente oposição contra Jesus por parte dos chefes do povo. Na verdade, é um destino que pertence a toda a história cristã: o Evangelho encontra oposição em todas as gerações que se sucedem na história. É a novidade do amor de Jesus que se embate com a dureza do coração do homem e, sobretudo, com a obra destruidora do príncipe do mal. Na altura, assim como hoje, é possível duvidar do sucesso da missão de Jesus e dos cristãos. Ainda por cima, no tempo de Jesus, tanto os discípulos quanto as pessoas sonhavam com um Messias poderoso e forte, segundo os critérios do mundo. Hoje, por sua vez, podemos olhar para a condição de minoria dos cristãos no mundo ou à dificuldade de proclamar o Evangelho numa condição difícil. Como é possível inaugurar o Reino de Deus apenas com a mansidão e com as palavras? O Evangelho não é demasiado fraco para mudar um mundo que parece muito mais forte? A Palavra de Deus não é demasiado simples para um mundo que se torna cada vez mais complexo? Estas questões, ou melhor, estas dúvidas têm uma resposta eficaz nas duas parábolas proferidas por Jesus, a da semente de mostarda e a do fermento na massa. O Reino de Deus, isto é, o mundo de paz e de amor, de justiça e de misericórdia que Jesus veio inaugurar na Terra, não começa de maneira poderosa e clamorosa, mas como uma pequena semente, como uma mão-cheia de fermento. Certo, é importante que a semente penetre no terreno e que o fermento seja misturado com a massa. Mas os dois, a semente e o fermento, se conservarem a própria força e a própria energia, isto é, se não forem enfraquecidos pela nossa preguiça e pelo nosso egocentrismo, darão frutos. O evangelista Lucas diferencia-se nisto dos outros dois sinópticos, realçando nas parábolas a ideia do desenvolvimento, do contínuo crescimento. A semente – isto é, a pregação do Evangelho e a prática do amor – gerará uma grande árvore e a levedura fermentará a massa da sociedade e do mundo. Muitos poderão restabelecer-se à sombra da árvore do amor e muitos poderão saciar-se com o pão da misericórdia. Mas a semente deve germinar dentro da terra e a levedura deve penetrar dentro da massa para a poder fermentar. O problema decisivo para que o Evangelho seja eficaz na sua obra é que deve ser comunicado “sem acréscimos”, como nos recorda Francisco de Assis, isto é, vivido no seu radicalismo.


25/10/2011
Oração com Maria, Mãe do Senhor


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri