Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

Recordação do histórico encontro de Assis (1986), quando João Paulo II convidou representantes de todas as confissões cristãs e das grandes religiões mundiais para rezarem pela paz.


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eu sou o Bom Pastor,
minha voz as ovelhas escutam,
E serão um só rebanho e um só Pastor.

Aleluia aleluia, aleluia

São Lucas 13,31-35

Naquela altura aproximaram-se dele alguns fariseus, que lhe disseram: «Vai-te embora, sai daqui, porque Herodes quer matar-te.» Respondeu-lhes: «Ide dizer a essa raposa: Agora estou a expulsar
demónios e a realizar curas, hoje e amanhã; ao terceiro dia, atinjo o meu termo.

Mas hoje, amanhã e depois devo seguir o meu caminho, porque não se admite que um profeta morra fora de Jerusalém.» «Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas aqueles que te são enviados! Quantas vezes Eu quis juntar os teus filhos, como a galinha junta a sua ninhada debaixo das asas, e não quiseste! Agora, ficará deserta a vossa casa. Eu vo-lo digo: Não me vereis até chegar o dia em que digais: Bendito seja aquele que vem em nome do Senhor!»

 

Aleluia aleluia, aleluia

Eu vos dou um mandamento novo:
amai-vos uns aos outros!

Aleluia aleluia, aleluia

Enquanto Jesus Se dirige a Jerusalém, alguns fariseus avisam-n’O que o rei Herodes está à Sua procura para O matar. Não é o mesmo Herodes da infância de Jesus, mas é da mesma família. Podemos dizer que a oposição ao Evangelho é uma tradição que continua ininterruptamente. O poder malvado dos homens tem sempre medo da força do Evangelho, seja sob a forma da fragilidade de uma criança seja sob a forma da fragilidade de uma Palavra que não deixa de ecoar em todo o lado, pregando com clareza a primazia do amor. Esta pregação é impedida pelo Herodes de turno. Jesus poderia fugir para evitar o perigo de ser preso e morto, como aconteceu a João Baptista. E é bem possível que Jesus Se tenha apercebido que é sempre cada vez mais perigoso continuar a viagem em direcção de Jerusalém. Até os próprios fariseus que avisam Jesus se aperceberam disso. No entanto, Jesus não recua, não pode trair o Evangelho, não pode bloquear a Sua pregação. Sabe que, de qualquer modo, o Evangelho é mais forte do que o poder de Herodes. Ou melhor, é preciso que a Boa Notícia do Reino seja proclamada ao longo das estradas da Galileia e da Judeia até dentro das muralhas de Jerusalém. Por isso, Jesus não foge de Herodes, não pára diante dos perigos e responde aos fariseus: “Não convém que um profeta morra fora de Jerusalém”. E imediatamente profere aquela triste lamentação sobre a Cidade Santa que tanto se afastou de Deus e que já nem sequer sabe acolher a palavra dos profetas. Mas esta surdez acabará por destruí-la: “Quantas vezes Eu quis reunir os teus filhos, como a galinha reúne os pintainhos debaixo das asas, mas tu não quiseste!”. São palavras angustiadas do Senhor que provavelmente devemos repetir também hoje sobre muitas das nossas cidades, cada vez mais feridas pela violência. Só acolhendo a profecia de Deus, só se as palavras de amor tiverem cidadania nos corações dos homens, as nossas cidades e as nossas nações poderão encontrar o caminho de uma convivência mais pacífica e serena.


27/10/2011
Oração pela Igreja


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri