Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sois uma geração escolhida
um sacerdócio real, uma nação santa,
povo resgatado por Deus
para proclamar as suas maravilhas.

Aleluia aleluia, aleluia

I Crônicas 21,15-22,1

Deus enviou um anjo a Jerusalém para a destruir. Quando ele a destruía, o Senhor olhou e compadeceu-se deste mal e disse ao anjo destruidor: «Basta! Retira a tua mão.»
Ora o anjo do Senhor achava-se perto da eira de Ornan, o jebuseu.

David levantou os olhos e viu o anjo do Senhor que estava entre o céu e a terra, com uma espada desembainhada na mão, dirigida contra Jerusalém. Então, David e os anciãos, vestidos de saco, prostraram-se com o rosto por terra. E David disse a Deus: «Não fui eu que mandei fazer o recenseamento do povo? Fui eu que pequei e fiz esse mal. Mas essas ovelhas, que fizeram elas? Senhor, meu Deus, que a tua mão caia, pois, sobre mim e a casa do meu pai, mas não sobre o teu povo.» O anjo do Senhor mandou Gad dizer a David que subisse para levantar um altar ao Senhor na eira de Ornan, o jebuseu. David subiu, de acordo com a ordem dada por Gad em nome do Senhor. Ornan voltou-se e viu o anjo, e escondeu-se com os seus quatro filhos. Estava nesse momento a debulhar o trigo. Quando David chegou perto de Ornan, este olhou e viu David e, saindo da eira, prostrou-se diante de David com o rosto por terra. David disse-lhe: «Cede-me o terreno da tua eira para eu erigir nela um altar ao Senhor; cede-mo pelo seu valor em dinheiro, para que o flagelo se retire de cima do povo.» Ornan respondeu: «Toma-o, e que o meu senhor, o rei, faça o que lhe parecer melhor. Vê: dou-te os bois para o holocausto, as grades para a lenha e o trigo para a oblação; dou-te tudo!» Mas David respondeu-lhe: «Quero comprá-lo a dinheiro pelo seu justo valor; não tomarei o que te pertence para dar ao Senhor, e não oferecerei um holocausto que nada me custe.» David deu a Ornan seiscentos ciclos de ouro pelo terreno. E edificou ali um altar ao Senhor. Ofereceu holocaustos e sacrifícios de comunhão. Invocou o Senhor e o Senhor respondeu-lhe por meio do fogo que desceu do céu sobre o altar do holocausto. Então, o Senhor ordenou ao anjo que metesse a espada na bainha. Imediatamente, David, vendo que o Senhor ouvira a sua oração na eira de Ornan, o jebuseu, ofereceu ali sacrifícios. O tabernáculo do Senhor, que Moisés construíra no deserto, e o altar dos holocaustos encontravam-se nesse tempo no lugar alto de Guibeon. Mas David não pôde dirigir-se a esse altar para rogar a Deus, porque ficara aterrado ao ver a espada do anjo do Senhor.


E David disse: «Esta será a casa do Senhor Deus e aqui estará o altar dos holocaustos para Israel.»

 

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sereis santos,
porque Eu sou santo, diz o Senhor.

Aleluia aleluia, aleluia

"Aqui será construído o Templo do Senhor Deus e o altar dos holocaustos de Israel". Termina assim - com esta afirmação de David - a breve perícope bíblica que nos introduz no centro da narração do primeiro livro das Crónicas. A "casa do Senhor" é o termo técnico que designa, precisamente, o templo de Jerusalém. David, inaugura com este altar a construção da casa de Deus entre o seu povo repudiando assim, qualquer outro lugar de culto, isto é, Samaria, a capital do Reino do Norte e o monte Garizim, o centro religioso dos Samaritanos. É quanto o Cronista queria afirmar através de todos os factos até aqui narrados. O próprio pecado de David, o único que o Cronista recorda e o consequente flagelo que se abateu sobre todo o povo, evidencia a inspiração divina da escolha do lugar do templo. É o Senhor que continua a guiar as decisões de David. Há um anjo que intervém e que pede a Gad para avisar David para que suba ao monte de Jerusalém, ainda ocupado pelos jebuseus, para se encontrar com Ornã e comprar a sua eira para aí construir o altar. O facto que também Ornã veja o anjo, manifesta a sacralidade do lugar. Com efeito, Ornã ao ver o anjo e David fica cheio de temor e com ele, toda a sua família. Após essa visão, deseja oferecer gratuitamente o terreno a David além de tudo o que serve para o sacrifício. No entanto, David recusa a oferta e decide comprar o terreno pagando-o muito mais do que o seu valor. É o claro sinal do poder sobre aquela terra. Agora, David tem um título de propriedade em Jerusalém. Aconteceu o mesmo com Abraão quando comprou o seu túmulo (Gn 23); indicava a tomada de posse da Terra Prometida. O segundo livro das Crónicas confirma claramente essa relação: "Salomão começou a construir o Templo do Senhor em Jerusalém, no monte Moriá, onde seu pai David tivera uma visão, no lugar que havia preparado na eira de Ornã, o jebuseu" (3, 1). Por seu lado, o Cronista anota: "David construiu ali um altar ao Senhor e ofereceu holocaustos e sacrifícios de comunhão. Invocou o Senhor, que lhe respondeu, fazendo cair fogo do céu sobre o altar dos holocaustos" (v. 26). Podemos dizer que com aquele altar não só foi escolhido o lugar para edificar o templo, mas começou também a oferta dos sacrifícios. O Senhor apreciou e respondeu enviando do Céu o fogo sobre o altar. O Senhor "ordenou ao anjo para recolocar a espada na bainha" (v. 27). E David, anota o Cronista, "vendo que o Senhor o atendia na eira do jebuseu Ornã, David passou a oferecer holocaustos nesse lugar" (v. 28). A este ponto o conto atinge o seu ápice: David realizou a obra para a qual tinha sido escolhido por Deus. E é aqui que reside a sua grandeza: ter respondido à chamada de Deus que o exortava a participar na história de salvação do seu povo. A vocação de David, como a de qualquer crente, não consiste na auto-realização como, infelizmente, muitas vezes se continua a dizer e a acreditar, mas em participar no projecto de Deus de salvar todos os povos da Terra.


03/10/2012
Oração com os santos


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri