Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

Memória do patriarca Abraão. Na fé partiu para uma terra que não conhecia, que lhe fora prometida por Deus. Por esta fé é chamado pai dos crentes, hebreus, cristãos e muçulmanos.


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sois uma geração escolhida
um sacerdócio real, uma nação santa,
povo resgatado por Deus
para proclamar as suas maravilhas.

Aleluia aleluia, aleluia

Gênesis 12,1-9

O Senhor disse a Abrão:
«Deixa a tua terra, a tua família e a casa do teu pai, e vai para a terra que Eu te indicar.

Farei de ti um grande povo, abençoar-te-ei, engrandecerei o teu nome e serás uma fonte de bênçãos.

Abençoarei aqueles que te abençoarem, e amaldiçoarei aqueles que te amaldiçoarem. E todas as famílias da Terra serão em ti abençoadas.»

Abrão partiu, como o Senhor lhe dissera, levando consigo Lot. Quando saiu de Haran, Abrão tinha setenta e cinco anos.

Tomou Sarai, sua mulher, e Lot, filho do seu irmão, assim como todos os bens que possuíam e os escravos que tinham adquirido em Haran, e partiram todos para a terra de Canaã, e chegaram à terra de Canaã. Abrão percorreu-a até ao lugar de Siquém, até aos carvalhos de Moré. Os cananeus viviam, então, naquela terra. O Senhor apareceu a Abrão e disse-lhe: «Darei esta terra à tua descendência.» E Abrão construiu ali um altar ao Senhor, que lhe tinha aparecido.

Deixando esta região, prosseguiu até ao monte situado ao oriente de Betel, e montou ali as suas tendas, ficando Betel ao ocidente e Ai ao oriente. Construiu também um altar ao Senhor e invocou o seu nome.

Abrão continuou a sua viagem, acampando aqui e ali, em direcção ao Négueb.

 

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sereis santos,
porque Eu sou santo, diz o Senhor.

Aleluia aleluia, aleluia

Na confusão e na dispersão dos povos o Senhor nunca abandona o homem. Se cada povo tinha construído uma nação com os confins bem delimitados, com uma própria língua, Deus, pelo contrário, chama Abrão para sair precisamente da sua terra, da sua pátria e da sua casa. A história da salvação, a de Abrão com Deus, inicia com um êxodo. O autor sagrado evidencia a ordem de Deus: "Sai da tua terra...vai para a terra que Eu te mostrar". Só escutando o convite do Senhor para sair dos próprios confins é que se pode receber a bênção, isto é, a vida de Deus e ser motivo de bênção para os outros. A Bíblia parece dizer no início do conto de Abrão que é na renúncia de escutarmos apenas a nós mesmos e as nossas tradições que é possível acolher a visão universal da vida e do mundo. Com efeito, Abrão, o homem que obedecendo à Palavra de Deus deixou a sua terra, tornou-se princípio de unidade e de vida para todo o mundo. Ele é o pai dos crentes, daqueles que decidem escutar Deus e enveredam pelo caminho que o próprio Senhor indica. É o caminho de um povo a quem pertencer, de encontros a realizar, de etapas a percorrer até chegar à Terra Prometida, a terra de Canaã (era assim que se chamava a Palestina naquele tempo). No entanto, uma vez entrados na Terra Prometida, não termina a procura e a escuta do Senhor. Com efeito, Deus aparece a Abrão precisamente quando chega na terra de Canaã e renova-lhe a promessa. A companhia de Deus é, efectivamente, bênção, vida e prosperidade. E Abrão precisa de se lembrar que Deus está sempre com ele. Essa recordação, cerne da vida dos crentes, liberta Abrão da escravidão dos ídolos. Há um só altar, ao lado do qual armar a tenda. Abrão decide viver ao lado do seu Senhor, não se quer separar do lugar da Sua presença. Sabe que o Senhor acompanhá-lo-á no caminho da vida, ou melhor, estará à sua frente para lhe indicar a estrada. Abrão desmontará a tenda e voltará a armá-la onde o Senhor o conduzir. É o exemplo do crente: a sua morada não é estar com ele mesmo, mas com o Senhor que o acompanha nos caminhos do mundo.


09/10/2012
Oração com os santos


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri