Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sois uma geração escolhida
um sacerdócio real, uma nação santa,
povo resgatado por Deus
para proclamar as suas maravilhas.

Aleluia aleluia, aleluia

II Coríntios 4,1-6

Por isso, investidos neste ministério que nos foi concedido por misericórdia, não perdemos a coragem, mas repudiamos os subterfúgios vergonhosos, não procedendo com astúcia nem adulterando a palavra de Deus, antes, pela manifestação da verdade, recomendando-nos à consciência de todos os homens diante de Deus. Se, entretanto, o nosso Evangelho continuar velado, está velado para os que se perdem, para os incrédulos, cuja inteligência o deus deste mundo cegou, a fim de não verem brilhar a luz do Evangelho da glória de Cristo, que é imagem de Deus. Pois, não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus, o Senhor, e nos consideramos vossos servos, por amor de Jesus. Porque o Deus que disse: das trevas brilhe a luz, foi quem brilhou nos nossos corações, para irradiar o conhecimento da glória de Deus, que resplandece na face de Cristo.

 

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sereis santos,
porque Eu sou santo, diz o Senhor.

Aleluia aleluia, aleluia

Paulo volta novamente a falar sobre o ministério que lhe foi confiado. Está ciente de ter sido escolhido pela misericórdia de Deus para comunicar aos homens o Evangelho. Não é um ministro do Evangelho por obra sua ou por sua escolha, mas porque foi chamado do alto. Por isso, não tem medo de reclamar a sinceridade do seu anúncio e de recordar a franqueza com que o fez sem falsificar o conteúdo e sem lhe diminuir a força. Na primeira Carta aos Tessalonicenses escreve: “É que a nossa pregação não nasce do erro, nem de segundas intenções, nem de esperteza.... Como sabeis, nunca usámos de adulação, nem fomos levados por motivos interesseiros: Deus é testemunha” (1Ts 2, 3.5). No entanto, é verdade que em Corinto há quem não pense com sinceridade. Já no fim do terceiro capítulo, Paulo tinha mencionado aqueles que comerciavam a Palavra de Deus; agora chega a falar de uma possível falsificação. Não basta, naturalmente, pertencer à Igreja ou à comunidade, para estar imune do orgulho, da inveja e da crítica. São estes instintos que “velam” o olhar e não deixam ver o Evangelho na sua clareza. Também Jesus tinha dito: “Se o olho ...”. Só se dirigirmos os olhos do coração para Jesus, é que poderemos compreender o mistério de Deus e apreciar a sua força. No mesmo sentido, Jesus tinha dito: “Quem Me viu, viu o Pai” (Jo 14, 9). E Paulo reivindica a sua pregação sobre a centralidade de Jesus na vida da comunidade: “Não pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus, Senhor” (v. 5). E ele apresenta-se como “servo” por amor de Jesus, aquele Jesus que lhe apareceu glorioso, cheio de luz tão forte que o cegou, no caminho de Damasco.


10/04/2013
Oração com os santos


Calendário da semana
NOV
27
Domingo, 27 de Novembro
Liturgia dominical
NOV
28
Segunda-feira, 28 de Novembro
Oração pelos pobres
NOV
29
Terça-feira, 29 de Novembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
NOV
30
Quarta-feira, 30 de Novembro
Oração dos Apóstolos
DEZ
1
Quinta-feira, 1 de Dezembro
Oração pela Igreja
DEZ
2
Sexta-feira, 2 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
3
Sábado, 3 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical