Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

Memória dos Santos Addai e Mari, fundadores da Igreja caldeia. Oração pelos cristãos no Iraque.


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

O Espírito Santo virá sobre ti
Aquele que nascer de ti será santo.

Aleluia aleluia, aleluia

Hebreus 1,5-14

Com efeito, a qual dos anjos disse Deus alguma vez: Tu és meu Filho, Eu hoje te gerei? E ainda: Eu serei para Ele um Pai e Ele será para mim um Filho? E de novo, quando introduz o Primogénito no mundo, diz: Adorem--no todos os anjos de Deus. Se, a respeito dos anjos, diz: Ele faz dos seus anjos espíritos e dos seus ministros chamas de fogo, a respeito do Filho, diz: O teu trono, ó Deus, permanece pelos séculos dos séculos e ceptro de justiça é o teu ceptro real. Amaste a justiça e odiaste a iniquidade, por isso Deus, o teu Deus, te ungiu com o óleo da alegria, preferindo-te aos teus companheiros. E ainda: Tu, Senhor, fundaste a terra, no princípio, e os céus são obra das tuas mãos. Eles deixarão de existir, mas Tu permaneces; como o vestido, todos eles envelhecerão; como um manto, os enrolarás, e como o vestuário, serão mudados; mas Tu permaneces sempre o mesmo e os teus anos não acabarão. E a qual dos anjos disse Deus alguma vez: Senta-te à minha direita, até que Eu faça dos teus inimigos um estrado dos teus pés? Não são todos eles espíritos encarregados de um ministério, enviados ao serviço daqueles que hão-de herdar a salvação?


 

Aleluia aleluia, aleluia

Eis, Senhor, os vossos servos:
Faça-se em nós segundo a vossa palavra

Aleluia aleluia, aleluia

A Carta acabou de falar do Filho como da revelação definitiva de Deus. O Filho é Aquele que os crentes devem escutar e seguir. De facto, Deus constituiu-O Senhor de toda a Criação. A Carta, com uma sequência de sete citações do Antigo Testamento, quer mostrar aos cristãos que o Filho realizou todas as profecias do Antigo Testamento. Com uma interpretação cristológica dos salmos, o autor compõe um hino sobre a glorificação de Jesus que faz recordar um hino análogo, o da humilhação de Jesus citado na Carta aos Filipenses. Mas aqui, o autor ignora a humilhação recordada por Paulo e canta, pelo contrário, o que aconteceu no Céu: a entronização de Jesus como Senhor da história e do mundo. Descreve a ascensão no Céu, como uma cerimónia de entronização típica de um soberano oriental. O rito, uma verdadeira liturgia, inicia com a adopção do novo rei por parte de Deus que diz: “Tu és meu Filho, Eu hoje Te gerei”. Dirigindo-se depois para a corte celeste, afirma: “Eu serei seu Pai, e Ele será meu Filho”. Depois do acolhimento reservado ao novo rei, segue-se a exortação aos grandes do reino (os anjos) a prostrarem-se diante do novo entronizado: “Que todos os anjos O adorem”. Por fim, o Senhor confere os poderes do Reino a Cristo entregando-Lhe o ceptro, a unção real e a subida ao trono. Com uma leitura espiritual dos salmos, o autor lê nos mesmos a prefiguração da realeza firme e forte do Filho. É uma realeza que já está estabelecida para sempre mas que, no entanto, espera ser completada pela acção do próprio Deus com a derrota definitiva do inimigo, conforme as palavras do Salmo: “Senta-te à minha direita, e Eu farei dos teus inimigos o estrado de teus pés”. O autor sente a urgência de recordar à comunidade cristã, provada pelas forças do mal e pela dúvida da vitória de Deus, para estarem cientes da força de Jesus ressuscitado que já derrotou o mal e a morte.


28/05/2013
Oração com Maria, Mãe do Senhor


Calendário da semana
NOV
27
Domingo, 27 de Novembro
Liturgia dominical
NOV
28
Segunda-feira, 28 de Novembro
Oração pelos pobres
NOV
29
Terça-feira, 29 de Novembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
NOV
30
Quarta-feira, 30 de Novembro
Oração dos Apóstolos
DEZ
1
Quinta-feira, 1 de Dezembro
Oração pela Igreja
DEZ
2
Sexta-feira, 2 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
3
Sábado, 3 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical