Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eu sou o Bom Pastor,
minha voz as ovelhas escutam,
E serão um só rebanho e um só Pastor.

Aleluia aleluia, aleluia

São Marcos 9,41-50

Sim, seja quem for que vos der a beber um copo de água por serdes de Cristo, em verdade vos digo que não perderá a sua recompensa.» «E se alguém escandalizar um destes pequeninos que crêem em mim, melhor seria para ele atarem-lhe ao pescoço uma dessas mós que são giradas pelos jumentos, e lançarem-no ao mar. Se a tua mão é para ti ocasião de queda, corta-a; mais vale entrares mutilado na vida, do que, com as duas mãos, ires para a Geena, para o fogo que não se apaga, onde o verme não morre e o fogo não se apaga. Se o teu pé é para ti ocasião de queda, corta-o; mais vale entrares coxo na vida, do que, com os dois pés, seres lançado à Geena, onde o verme não morre e o fogo não se apaga. E se um dos teus olhos é para ti ocasião de queda, arranca-o; mais vale entrares com um só no Reino de Deus, do que, com os dois olhos, seres lançado à Geena, onde o verme não morre e o fogo não se apaga. Todos serão salgados com fogo. O sal é coisa boa; mas, se o sal ficar insosso, com que haveis de o temperar? Tende sal em vós mesmos e vivei em paz uns com os outros.»


 

Aleluia aleluia, aleluia

Eu vos dou um mandamento novo:
amai-vos uns aos outros!

Aleluia aleluia, aleluia

Esta página do Evangelho de Marcos deve ser lida no contexto das condições postas por Jesus para entrar e permanecer na comunidade dos filhos do Reino de Deus. Realmente são palavras exigentes mas, é mesmo assim, porque o Senhor veio para instaurar uma vida nova e firme que impõe escolhas radicais. Por isso, o Evangelho é severo com quem tenta ou põe em perigo a fé dos pequeninos, isto é, com quem escandaliza os fracos e os pobres da comunidade. “Escandalizar” significa “fazer tropeçar”, fazer cair. Nas Escrituras indica-se com o termo “escândalo” tudo o que é obstáculo aos outros no caminho do bem. Impedir aos outros de conhecer o bem significa, pois, fechar a porta ao conhecimento do Senhor, fonte do bem e do amor. Por isso, o “escândalo” é grave. Aquele que impede a fé e aquele que recusa a ajuda ao necessitado é severamente condenado pelo Evangelho. Jesus chega mesmo a dizer que seria melhor, para eles, colocarem uma pedra de moinho ao pescoço e lançarem-se ao mar. Nunca renunciaremos a nada do que é nosso, nem sequer se fosse necessário. É por isso que, às vezes, não muda nada na nossa vida. Mas a vida cristã é conversão, separação de nós mesmos, renúncia a qualquer coisa de nosso com vista ao bem. Hoje, pelo contrário, preferimos ter não duas, mas três mãos, três pés, três olhos, isto é, possuir o mais possível, acumular até não poder. A linguagem de Jesus aparece, portanto, demasiado severa: obviamente, não devemos levar à letra essas indicações mas compreender que há uma prioridade à qual não nos podemos subtrair: não sermos de empecilho a ninguém no caminho do amor a custo de não renunciarmos a nada de nosso. A mesma severidade o Evangelho pede também para nós. Normalmente sucede o contrário, como bem sabemos por experiência pessoal: somos rigorosos com os outros e indulgentes connosco; estamos prontos para acusar os outros e somos mais do que solícitos a perdoar os nossos erros; ou, como afirma uma outra página evangélica, estamos prontos a ver o argueiro no olho do próximo e não somos capazes de reconhecer a trave que está no nosso. O Evangelho comporta sempre a renúncia ao mal, à maldade, ao egoísmo, àquele eu que domina a cena e impede a conversão. Só assim é que se conserva o sabor do Evangelho. “Tende sal em vós mesmos” diz Jesus, isto é, “tende em vós a capacidade de entender o que é necessário para a vida que não acaba, tende em vós o amor que é dádiva e também renúncia”. E do amor virá a paz.


27/02/2014
Oração pela Igreja


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri