Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

Os hebreus festejam a festa de Shavuot (Pentecostes).


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sois uma geração escolhida
um sacerdócio real, uma nação santa,
povo resgatado por Deus
para proclamar as suas maravilhas.

Aleluia aleluia, aleluia

São João 17,11-19

Doravante já não estou no mundo, mas eles estão no mundo, e Eu vou para ti. Pai santo, Tu que a mim te deste, guarda-os em ti, para serem um só, como Nós somos! Enquanto estava com eles, Eu guardava-os em ti, em ti que a mim te deste. Guardei-os e nenhum deles se perdeu, a não ser o homem da perdição, cumprindo-se desse modo a Escritura. Mas agora vou para ti e, ainda no mundo, digo isto para que eles tenham em si a plenitude da minha alegria. Entreguei-lhes a tua palavra, e o mundo odiou-os, porque eles não são do mundo, como também Eu não sou do mundo. Não te peço que os retires do mundo, mas que os livres do Maligno. De facto, eles não são do mundo, como também Eu não sou do mundo. Faz que eles sejam teus inteiramente, por meio da Verdade; a Verdade é a tua palavra. Assim como Tu me enviaste ao mundo, também Eu os enviei ao mundo, e por eles totalmente me entrego, para que também eles fiquem a ser teus inteiramente, por meio da Verdade.

 

Aleluia aleluia, aleluia

Vós sereis santos,
porque Eu sou santo, diz o Senhor.

Aleluia aleluia, aleluia

Jesus acabou de dirigir ao Pai a invocação para que proteja os Seus discípulos. Até agora, foi Ele quem pessoalmente os reuniu – chamou-os um a um – os ensinou, os corrigiu, os defendeu e, de qualquer modo, os conduziu no caminho da salvação. Conservou-os a todos, menos um, Judas, que preferiu seguir os seus desígnios separando-se do projecto de Jesus. De qualquer modo, aqueles onze estavam para ficarem sozinhos, isto é, sem a Sua presença física. E Jesus sabe muito bem que eles deverão enfrentar provas muito duras. Por isso, é que está preocupado com eles. Conseguirão resistir aos ataques do maligno que procurará, de todos os modos, afastá-los d’Ele e do Evangelho? Sabe bem que a divisão entre eles torná-los-ia presa fácil do maligno. E reza: “Guarda-os em Teu nome…para que eles sejam um, assim como Nós somos um”. A unidade entre o Pai e o Filho torna-se não só no metro para a autenticidade dos discípulos, mas também na razão da vocação cristã. A salvação é a comunhão entre todos com o Pai e o Filho. E na comunhão encontramos a plenitude da alegria, como Jesus diz: “para que eles possuam toda a minha alegria”. A alegria dos discípulos não é o optimismo fácil e previsível, mas o compromisso em abater qualquer divisão para criar a comunhão entre todos. Essa obra não nasce simplesmente da nossa boa vontade, mas da escuta da Palavra de Deus que leva cada um de nós a afastarmo-nos do próprio egocentrismo, a abater qualquer inimizade para se empenhar em criar um mundo fraterno e solidário. É uma obra, a do crente, que embate contra a mentalidade individualista e egocêntrica deste mundo. E o recontro é inevitável. É uma luta que começa no próprio coração para erradicar o instinto egocêntrico e que continua na sociedade. Jesus não reza para que sejam retirados do mundo, seria a própria negação do Evangelho. Antes pelo contrário, os cristãos são chamados a serem o fermento de fraternidade no mundo. É esta a vocação deles: transformar o mundo para que seja cada vez mais um mundo de fraternidade e de amor entre todos. Jesus reza neste sentido: “Assim como Tu Me enviaste ao mundo, Eu também os envio ao mundo”. Há como que um fio vermelho que liga o coração da Trindade, quando o Filho disse ao Pai: “Aqui estou. Envia-me!”, ao envio em missão no mundo dos discípulos de sempre por parte de Jesus para que continuem a realizar a própria obra de Deus.


04/06/2014
Oração com os santos


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri