Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Todo o que vive e crê em mim
não morrerá jamais.

Aleluia aleluia, aleluia

São Lucas 6,1-5

Num dia de sábado, passando Jesus através das searas, os seus discípulos puseram-se a arrancar e a comer espigas, desfazendo-as com as mãos. Alguns fariseus disseram: «Porque fazeis o que não é permitido fazer ao sábado?» Jesus respondeu: «Não lestes o que fez David, quando teve fome, ele e os seus companheiros? Como entrou na casa de Deus e, tomando os pães da oferenda, comeu e deu aos seus companheiros esses pães que só aos sacerdotes era permitido comer?» E acrescentou: «O Filho do Homem é Senhor do sábado.»

 

Aleluia aleluia, aleluia

Se tu creres verás a glória de Deus
diz o Senhor.

Aleluia aleluia, aleluia

Jesus continua a Sua viagem para Jerusalém e, num dia de sábado, está a atravessar um campo de trigo. Os discípulos arrancam as espigas, debulham-nas com as mãos para soltar o grão e comem-no. Porém, as disposições rabínicas não permitiam colher e comer as espigas de trigo durante o sábado. E os fariseus, escrupulosos observadores da Lei, esquecendo-se, no entanto, do coração e da vida das pessoas, vendo o que os discípulos estão a fazer, acusam-nos de não respeitarem o repouso do sábado. Com efeito, os rabinos tinham listado 39 tipos de trabalho proibidos no dia de sábado e, entre estes, figuravam também colher, debulhar e ventilar o trigo. Obviamente a acusação é para o Mestre que não os está a orientar correctamente, segundo a Lei. Jesus evita entrar directamente em discussões casuísticas e responde à acusação recordando o episódio de David que, enquanto fugia de Saul que o queria matar, se refugiou no templo. E nesse caso, o sacerdote permitiu ao fugitivo comer os pães ditos “da proposição” (porque oferecidos a Deus) destinados unicamente aos sacerdotes durante a semana do culto. A necessidade que David tinha de se alimentar levou o grande sacerdote Abimelec a derrogar esta disposição legislativa para lhe permitir sobreviver. Com a resposta que dá aos fariseus, isto é, “O Filho do Homem é senhor até do sábado”, Jesus coloca-Se num plano ainda superior ao de David. E, tal como um outro trecho do Evangelho refere, explica que a verdade da legislação sobre “o dia do repouso” é colocar-se totalmente e plenamente ao serviço do Senhor. Não é uma questão de respeitar rituais exteriores. O Senhor pede para repousarmos do trabalho, não só para que possamos participar na Santa Liturgia onde nos constituímos como uma única família de Deus, mas também para fazer com que todos vivam, em particular, os mais pobres, os mais necessitados e os doentes, a festa do amor de Deus, isto é, a alegria dos irmãos que estão juntos num momento de festa. Do repouso. Jesus também é Senhor do Sábado, não no sentido que se pode escusar quando quer do que está previsto pela Lei, mas porque o tempo da salvação consiste em libertar os irmãos e as irmãs da solidão, da dor e da escravidão de uma condição desumana. E é desumano encher até ao limite o tempo com um espírito exclusivamente comercial. Os cristãos devem questionar-se se, num mundo em que tudo parece subjazer à lei do mercado e do consumo, não será um dever urgente para os cristãos voltar a propor, nas nossas sociedades, o valor do repouso como dia de louvor a Deus, de fraternidade e de ajuda aos pobres.


06/09/2014
Oração da vigília


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri