Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eis o Evangelho dos pobres, a libertação dos prisioneiros,
a vista dos cegos, a libertação dos oprimidos

Aleluia aleluia, aleluia

Gênesis 12,1-9

O Senhor disse a Abrão:
«Deixa a tua terra, a tua família e a casa do teu pai, e vai para a terra que Eu te indicar.

Farei de ti um grande povo, abençoar-te-ei, engrandecerei o teu nome e serás uma fonte de bênçãos.

Abençoarei aqueles que te abençoarem, e amaldiçoarei aqueles que te amaldiçoarem. E todas as famílias da Terra serão em ti abençoadas.»

Abrão partiu, como o Senhor lhe dissera, levando consigo Lot. Quando saiu de Haran, Abrão tinha setenta e cinco anos.

Tomou Sarai, sua mulher, e Lot, filho do seu irmão, assim como todos os bens que possuíam e os escravos que tinham adquirido em Haran, e partiram todos para a terra de Canaã, e chegaram à terra de Canaã. Abrão percorreu-a até ao lugar de Siquém, até aos carvalhos de Moré. Os cananeus viviam, então, naquela terra. O Senhor apareceu a Abrão e disse-lhe: «Darei esta terra à tua descendência.» E Abrão construiu ali um altar ao Senhor, que lhe tinha aparecido.

Deixando esta região, prosseguiu até ao monte situado ao oriente de Betel, e montou ali as suas tendas, ficando Betel ao ocidente e Ai ao oriente. Construiu também um altar ao Senhor e invocou o seu nome.

Abrão continuou a sua viagem, acampando aqui e ali, em direcção ao Négueb.

 

Aleluia aleluia, aleluia

O Filho do Homem veio para servir
quem quiser ser grande, faça-se servo de todos

Aleluia aleluia, aleluia

Na confusão e na dispersão dos povos o Senhor nunca abandona o homem. Se cada povo tinha construído uma nação com os confins bem delimitados, com uma própria língua, Deus, pelo contrário, chama Abrão para sair precisamente da sua terra, da sua pátria e da sua casa. A história da salvação, a de Abrão com Deus, inicia com um êxodo. O autor sagrado realça a ordem de Deus: “Sai da tua terra…vai para a terra que Eu te mostrar”. Só escutando o convite do Senhor para sair dos próprios confins é que se pode receber a bênção, isto é, a vida de Deus e ser motivo de bênção para os outros. A Bíblia parece dizer no início do conto de Abrão que é na renúncia de escutarmos apenas a nós mesmos e as nossas tradições que é possível acolher a visão universal da vida e do mundo. Com efeito, Abrão, o homem que obedecendo à Palavra de Deus deixou a sua terra, tornou-se princípio de unidade e de vida para todo o mundo. Ele é o Pai dos crentes, daqueles que aceitam escutar Deus e obedecer à Sua Palavra. Escutar o Senhor significa enveredar por novos caminhos. A fé de Abrão é concreta, é feita de vida no meio de um povo, de encontros, de etapas até alcançar a Terra Prometida, a terra de Canaã (é assim que se chamava a Palestina naquele tempo). Mas, mesmo entrando na Terra Prometida, não termina a procura e a escuta do Senhor. Com efeito, Deus aparece a Abrão precisamente quando chega na terra de Canaã e renova-lhe a promessa. A companhia de Deus é, efectivamente, bênção, vida e prosperidade. E Abrão precisa de se lembrar que Deus está sempre com ele. Essa recordação, que é o cerne da vida do crente, liberta Abrão da escravidão dos ídolos. Para isso, constrói um altar e arma a sua tenda ao lado dele. Abrão quer viver ao lado do seu Senhor, não se quer separar do lugar da Sua presença. Mas sabe que o Senhor acompanhá-lo-á no caminho da vida, ou melhor, estará à sua frente para lhe indicar a estrada. E sempre Abrão desmontará a tenda e voltará a armá-la onde o Senhor o conduzir. Ele torna-se no exemplo do crente: não se radica nas suas tradições, mas sabe que a sua morada é estar ao lado de Deus para o acompanhar pelos caminhos do mundo.


22/06/2015
Oração pelos pobres


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri