Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eu sou o Bom Pastor,
minha voz as ovelhas escutam,
E serão um só rebanho e um só Pastor.

Aleluia aleluia, aleluia

Romanos 8,31b-39

Ele, que nem sequer poupou o seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós, como não havia de nos oferecer tudo juntamente com Ele? Quem irá acusar os eleitos de Deus? Deus é quem nos justifica! Quem irá condená-los? Jesus Cristo, aquele que morreu, mais, que ressuscitou, que está à direita de Deus é quem intercede por nós. Quem poderá separar-nos do amor de Cristo?
A tribulação, a angústia,
a perseguição,
a fome, a nudez,
o perigo, a espada?

De acordo com o que está escrito:
Por causa de ti, estamos expostos à morte o dia inteiro,
fomos tratados como ovelhas destinadas ao matadouro.

Mas em tudo isso saímos mais do que vencedores,
graças àquele que nos amou.

Estou convencido de que nem a morte nem a vida,
nem os anjos nem os principados,
nem o presente nem o futuro,
nem as potestades,

nem a altura, nem o abismo,
nem qualquer outra criatura
poderá separar-nos do amor de Deus
que está em Cristo Jesus, Senhor nosso.


 

Aleluia aleluia, aleluia

Eu vos dou um mandamento novo:
amai-vos uns aos outros!

Aleluia aleluia, aleluia

O apóstolo conclui esta parte da Carta centrada no Espírito, com um hino ao amor de Deus. Há uma pergunta inicial que manifesta a força da fé: “Se Deus está a nosso favor, quem estará contra nós?”. O crente baseia a sua esperança não em si mesmo ou nas suas forças, mas na firmeza do amor de Deus. É o Senhor que defende, ajuda, protege e salva os Seus filhos. Faz de tudo para os salvar. Desde a sarça ardente, Deus revelou-Se como Aquele que nunca abandonaria o Seu povo. Dizendo: “Eu sou Aquele que sou”, queria dizer: “Eu sou Aquele que está sempre com o Meu povo, que o acompanha no deserto, que o leva para a terra prometida, que o ampara todos os dias”. Todas as Escrituras descrevem esta incrível descida do amor de Deus para os homens. O ápice desta relação dá-se com Jesus, o Emanuel, o Deus connosco. O amor do Pai é tão extraordinário que não só envia ao mundo o Seu Filho, mas permite até que seja “sacrificado” para a salvação de todos nós. Este é o amor que fundamenta a nossa fé. O apóstolo, recorrendo à imagem de um processo movido contra os crentes pode, portanto, dizer: “Quem acusará os escolhidos de Deus? É Deus quem torna Justo! Mas é Deus quem torna justo! Quem condenará? Jesus Cristo? Ele que morreu, ou melhor que ressuscitou?”. O crente é como que absolvido preventivamente pelo abraço de Deus. Trata-se apenas de o acolher. Na verdade, nada, excepto a decisão da nossa liberdade, nos poderá separar deste amor. O apóstolo enumera uma série de situações: morte ou vida, anjos ou principados, presente ou futuro, poderes, alturas ou profundidades e qualquer outra força que se possa abater sobre o crente. E, na verdade, muitas vezes os crentes sofrem dificuldades e oposições até mesmo à morte. Mas nada disso “nos poderá separar do amor de Deus”.


29/10/2015
Oração pela Igreja


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri