Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

Memória de Dom Andrea Santoro, padre romano, morto em Trebizonda na Turquia.


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eis o Evangelho dos pobres,
a libertação dos prisioneiros,
a vista dos cegos,
a libertação dos oprimidos

Aleluia aleluia, aleluia

Ben Sira 47,2-13

Assim como a gordura da vítima se separa da carne,
assim David foi separado dentre os filhos de Israel.

Brincou com os leões, como se fossem cabritos,
e tratou os ursos como cordeirinhos.

Não foi ele quem, na sua mocidade, matou o gigante
e tirou o opróbrio do seu povo,
levantando a mão, com a pedra da sua funda
e abatendo a arrogância de Golias?

Invocou, na realidade, o Senhor Altíssimo,
o qual deu à sua dextra força para derrubar o temível guerreiro
e, assim, exaltar o poder do seu povo.

Também foi celebrado por causa da morte dos dez mil homens;
tornou-se ilustre com as bênçãos do Senhor
e foi-lhe oferecida uma coroa de glória.

Porque desbaratou os inimigos de todas as partes
e exterminou os filisteus, seus adversários,
destruindo, até ao dia de hoje, o seu poder.

Em todas as suas obras, deu graças ao Santo,
ao Altíssimo com palavras de louvor.
Com todo o seu coração cantou hinos
e amou aquele que o tinha criado.

Estabeleceu cantores diante do altar entoando,
com as suas vozes, doces melodias,
dia a dia louvando-o com seus cantos.

Deu esplendor às festividades,
brilho perfeito aos dias solenes,
para que louvassem o santo nome do Senhor
e fizessem ressoar o santuário desde a aurora.

O Senhor perdoou-lhe os seus pecados,
engrandeceu o seu poder para sempre
e assegurou-lhe, por sua aliança, a realeza
e um trono de glória em Israel.

Depois, sucedeu-lhe seu filho, cheio de sabedoria;
por amor dele, teve um vasto e pacífico reino.

Salomão reinou em dias de paz.
Deus circundou-o de tranquilidade,
para que levantasse um templo ao seu nome
e lhe preparasse um santuário eterno.

 

Aleluia aleluia, aleluia

O Filho do Homem veio para servir
quem quiser ser grande, faça-se servo de todos

Aleluia aleluia, aleluia

Este trecho do Eclesiástico é retirado dos capítulos que tecem o elogio dos "antepassados", sobretudo de David e de Salomão. É uma reflexão sapiencial que apresenta David como o eleito de Deus, aquele a quem Deus confia o Seu projecto de amor pelo Seu povo. O texto até parece esquecer-se do pecado cometido por David; só no fim é que recorda que "o Senhor perdoou os pecados que ele cometeu". Parece que o autor quer realçar a grandeza da misericórdia de Deus que é bem maior do que as culpas dos homens, chegando ao ponto de quase as esquecer. O que conta é a escolha que Deus faz dos Seus servos. E a dignidade do eleito é dada por esta escolha que o coloca ao serviço da salvação. O Senhor reservou David para Si assim como desejava que Lhe fosse reservada a melhor parte dos sacrifícios (cf. Lv 3, 9-17). David torna-se testemunha da força e do amor do Senhor pelo Seu povo. O texto realça ainda um trecho particular. O autor não exalta só o jovem que pela sua fé venceu o gigante Golias, terror para todo o povo de Israel. David é, sobretudo, aquele que cantou com os salmos o louvor a Deus: "cantou hinos (ao Senhor) de todo o coração e amou Aquele que o havia criado". E, ainda hoje, acolhido na tradição cristã, os crentes continuam a louvar o Senhor com as esplêndidas orações dos Salmos. David é elogiado por ter organizado o culto diante de Deus: "Colocou diante do altar tocadores de harpa, para embelezar os cânticos com o som da música; assim, deu esplendor às festas e embelezou as solenidades, fazendo louvar o santo nome do Senhor e enchendo de harmonia o santuário desde o amanhecer". São palavras que nos levam também a nós a reflectir sobre a beleza que deve resplandecer nas nossas celebrações. Assim como, nos exortam a embelezar e a dignificar as nossas igrejas, os nossos santuários, os nossos lugares dedicados ao Senhor. É linda e cheia de sentido, a tradição bizantina que concebe e constrói as Igrejas como uma antecipação do Reino de Deus na Terra, como o início do paraíso. É nelas que somos edificados em pedras vivas que louvam o Senhor.


05/02/2016
Oração da Santa Cruz


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri