Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eis o Evangelho dos pobres, a libertação dos prisioneiros,
a vista dos cegos, a libertação dos oprimidos

Aleluia aleluia, aleluia

I Reis 8,1-7.9-13

Então Salomão reuniu junto de si em Jerusalém os anciãos de Israel. Todos os chefes das tribos, os chefes das famílias dos filhos de Israel, para transladarem da cidade de David, em Sião, a Arca da aliança do Senhor. Todos os homens de Israel se reuniram na presença do rei Salomão no mês de Etanim, que é o sétimo mês, durante a festa solene. Quando todos os anciãos de Israel acabaram de chegar, os sacerdotes transportaram a Arca. Fizeram subir a Arca do Senhor, a tenda da reunião, com todos os utensílios sagrados que estavam na tenda; foram os sacerdotes e os levitas quem a transportou. O rei Salomão e toda a assembleia de Israel reunida junto dele caminhavam à frente da Arca e iam sacrificando tão grande quantidade de ovelhas e bois que não se podiam contar nem enumerar. Os sacerdotes levaram a Arca da aliança do Senhor para o seu lugar no santuário do templo, o Santo dos Santos, sob as asas dos querubins. Com efeito, os querubins estendiam as suas asas sobre o lugar da Arca, cobrindo-a e aos seus varais com suas asas. Na Arca não havia senão as duas tábuas de pedra que Moisés lá colocara no monte Horeb, quando o Senhor concluiu a Aliança com os filhos de Israel, ao saírem da terra do Egipto. Quando os sacerdotes saíram do santuário, a nuvem encheu o templo do Senhor. Deste modo, os sacerdotes não puderam ficar ali para exercerem o seu ministério, por causa da nuvem, já que a glória do Senhor enchia o templo do Senhor. Disse então Salomão:
«O Senhor escolheu habitar em nuvem escura!

Por isso é que eu te edifiquei um palácio, um lugar onde habitarás para sempre.»

 

Aleluia aleluia, aleluia

O Filho do Homem veio para servir
quem quiser ser grande, faça-se servo de todos

Aleluia aleluia, aleluia

Terminada a construção do Templo, era necessário dedicá-lo a Deus. Era evidente que não bastava levantar paredes, por muito sumptuosas e ricas que fossem, para poder acolher a presença de Deus. Era necessário que Deus tomasse posse do Templo para que fosse o lugar da Sua morada. Israel sabia que a presença de Deus entre o povo era assegurada através das tábuas da Lei contidas na arca da aliança. Portanto, era necessário que a arca da aliança, transportada por David para a colina de Sião, depois da conquista da cidade como é narrado no segundo livro de Samuel (6, 17), fosse transportada para o Templo. Salomão reuniu todo o povo, tal como fizera Moisés quando recebeu as tábuas da Lei, ofereceu a Deus sacrifícios e mandou transportar a arca pelos sacerdotes para a colocarem no "Santíssimo", o lugar mais sagrado do Templo. Era a festa das Tendas ou dos Tabernáculos, antigamente chamada festa da Colheita, que se celebrava no sétimo mês do calendário israelita, que corresponde aos actuais meses de Setembro-Outubro. O trecho evidencia que "dentro da Arca não havia mais nada senão as duas tábuas de pedra que, no Horeb, Moisés ali tinha colocado, quando o Senhor concluiu a aliança com os israelitas, quando eles saíram do Egipto". Esta anotação esclarece ainda mais a dimensão interior da aliança que Deus estabeleceu com Israel. Estamos bem longe de uma religiosidade baseada no plano da natureza ou que faz perno na exterioridade dos rituais ou de uma simbologia exotérica. A arca contém apenas a Palavra, nada mais. É a Palavra, isto é, o Senhor que Se revela, o coração da fé hebraica e, portanto, também cristã. Esta afirmação é análoga à que encontramos no fim do Evangelho da Transfiguração. O evangelista Marcos narra que os discípulos, depois de terem sido envolvidos pela nuvem, "não viram mais ninguém, a não ser somente Jesus com eles" (Mc 9, 8). Só a Palavra e nada mais. Só Jesus é que o fundamento sobre o qual se baseia a nossa fé. E é singular que, o que acontecerá no dia da Transfiguração, sucede precisamente no momento da entrada da arca no Santíssimo: "Quando os sacerdotes saíram do santuário, a Nuvem encheu o Templo do Senhor". O Senhor tomava posse daquele lugar através da entrada da Sua Palavra. E todo aquele que acolher a Palavra de Deus no seu coração, torna-se Templo de Deus e a Sua sombra protegê-lo-á.


08/02/2016
Oração pelos pobres


Calendário da semana
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical
DEZ
5
Segunda-feira, 5 de Dezembro
Oração pelos doentes
DEZ
6
Terça-feira, 6 de Dezembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
DEZ
7
Quarta-feira, 7 de Dezembro
Oração com os santos
DEZ
8
Quinta-feira, 8 de Dezembro
Festa da Imaculada Conceição
DEZ
9
Sexta-feira, 9 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
10
Sábado, 10 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
11
Domingo, 11 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri