Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma

O povo cigano, mesmo o de fé muçulmana, festeja São Jorge que morreu mártir para libertar a Igreja.


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eis o Evangelho dos pobres,
a libertação dos prisioneiros,
a vista dos cegos,
a libertação dos oprimidos

Aleluia aleluia, aleluia

Actos dos Apóstolos 18,9-18

Certa noite, o Senhor disse a Paulo, numa visão: «Nada temas, continua a falar e não te cales, porque Eu estou contigo e ninguém porá as mãos em ti para te fazer mal, pois tenho um povo numeroso nesta cidade.» Então, ele ficou lá durante um ano e seis meses, a ensinar-lhes a palavra de Deus. Sendo Galião procônsul da Acaia, levantaram-se os judeus, de comum acordo, contra Paulo e levaram-no ao tribunal. «Este homem - disseram eles - induz as pessoas a prestar culto a Deus de uma forma contrária à Lei.» Paulo ia abrir a boca, quando Galião disse aos judeus: «Se se tratasse de uma injustiça ou grave delito, escutaria as vossas queixas, ó judeus, como é meu dever. Mas como se trata de um conflito doutrinal sobre palavras e nomes e acerca de vossa própria Lei, o assunto é convosco. Recuso-me a ser juiz em semelhante questão.» E mandou-os sair do tribunal. Então todos se apoderaram de Sóstenes, o chefe da sinagoga, e puseram-se a bater-lhe diante do tribunal. E Galião não se importou nada com isso. Depois de se ter demorado ainda algum tempo em Corinto, Paulo despediu-se dos irmãos e embarcou para a Síria, com Priscila e Áquila, rapando a cabeça em Cêncreas, por causa de um voto que tinha feito.

 

Aleluia aleluia, aleluia

O Filho do Homem veio para servir
quem quiser ser grande, faça-se servo de todos

Aleluia aleluia, aleluia

Paulo, depois de ter deixado Atenas, chega a Corinto, uma cidade cosmopolita e importante centro comercial. É acolhido em casa de Áquila e Priscila ganhando a vida fabricando tendas. Todavia, dedicou-se também a uma intensa actividade de pregação junto dos hebreus. Tendo recebido destes não poucos insultos e hostilidades, decidiu então dirigir-se aos pagãos. Mudou de casa e os frutos daquela renovada pregação não se fizeram esperar. Também alguns hebreus, como o chefe da sinagoga local, se tornaram cristãos. A comunidade de Corinto cresceu em número, mas também em problemas. Das duas Cartas de Paulo, conhecemos a vivacidade da comunidade cristã de Corinto. Não faltavam momentos de grave tensão pondo em risco até a própria unidade da comunidade. Muito provavelmente, Paulo deve ter ficado desencorajado e receoso várias vezes. Sabemos disso, através da narração de um colóquio nocturno que teve com o Senhor. A um certo momento, o Senhor diz-lhe: "Não tenhas medo, continua a falar, não te cales. Eu estou contigo. Ninguém porá as mãos em ti para te fazer mal: nesta cidade há um povo numeroso que Me pertence". Lucas acrescenta logo a seguir que Paulo decidiu ficar ainda mais um ano e meio em Corinto para pregar o Evangelho. O apóstolo tinha compreendido que só o Senhor é que é a rocha sobre a qual fundamentar uma robusta e eficaz acção pastoral. Era o Senhor o verdadeiro protagonista da vida da comunidade cristã. O Senhor revela a Paulo: "nesta cidade há um povo numeroso que Me pertence". Nesta afirmação, não há apenas a urgência da pregação mas também uma indicação para a pregação do Evangelho na cidade. Porque é nas cidades que o Senhor quer que o Seu povo cresça. É nestes lugares assim tão importantes para a vida das pessoas que o Senhor quer suscitar um povo para as tornar mais humanas e mais solidárias. Era o desafio para Paulo, mas também é o desafio para os cristãos de hoje: como anunciar o Evangelho nas grandes metrópoles contemporâneas? Devemos ter bem presente o sonho de Deus que é o de suscitar nas cidades um povo que possa testemunhar a todos a primazia de Deus e do amor. Precisamos de uma nova criatividade. Certo, não faltarão oposições, como a que foi feita contra Paulo que foi conduzido perante o procônsul romano para ser julgado. Mas o Senhor protege e acompanha os Seus filhos, também hoje.


06/05/2016
Oração da Santa Cruz


Calendário da semana
NOV
27
Domingo, 27 de Novembro
Liturgia dominical
NOV
28
Segunda-feira, 28 de Novembro
Oração pelos pobres
NOV
29
Terça-feira, 29 de Novembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
NOV
30
Quarta-feira, 30 de Novembro
Oração dos Apóstolos
DEZ
1
Quinta-feira, 1 de Dezembro
Oração pela Igreja
DEZ
2
Sexta-feira, 2 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
3
Sábado, 3 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical