Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community

  

A oração cada dia


 
versão para impressão

Ícone do Rosto do Senhor
Igreja de Santo Egídio
Roma


Leitura da Palavra de Deus

Aleluia aleluia, aleluia

Eu sou o Bom Pastor,
minha voz as ovelhas escutam,
E serão um só rebanho e um só Pastor.

Aleluia aleluia, aleluia

Jeremias 2,1-3.7-8.12-13

A palavra do Senhor foi-me dirigida nestes termos: «Vai e grita aos ouvidos de Jerusalém, dizendo: Assim fala o Senhor:
'Recordo-me da tua fidelidade no tempo da tua juventude,
dos amores do tempo do teu noivado,
quando me seguias no deserto,
na terra em que não se semeia.

Israel era, então, propriedade sagrada do Senhor,
primícias da sua colheita.
Todos os que ousavam comer dela, pagavam,
e sobrevinha-lhes a desgraça'
- oráculo do Senhor.

Introduziu-vos numa terra fértil,
para comerdes os seus saborosos frutos.
Mas, tendo entrado, profanastes a minha terra
e fizestes abominável a minha herança.

Os sacerdotes não se interrogaram:
«Onde está o Senhor?»
Os doutores da Lei não me reconheceram,
os pastores revoltaram-se contra mim,
e os profetas profetizaram em nome de Baal
e seguiram deuses inúteis.

Pasmai, ó céus, acerca disto!
Tremei de espanto e de horror!
- oráculo do Senhor.

Porque o meu povo cometeu um duplo crime:
abandonou-me, a mim,
nascente de águas vivas,
e construiu cisternas para si,
cisternas rotas,
que não podem reter as águas.»

 

Aleluia aleluia, aleluia

Eu vos dou um mandamento novo:
amai-vos uns aos outros!

Aleluia aleluia, aleluia

Esta página é como que um grito de Deus ao Seu povo para que acorde do sono e recorde a história do Seu amor por ele. São Gregório Magno dizia que as Sagradas Escrituras são a carta de amor de Deus para nós. E, com efeito, sempre que As escutamos, podemos reconhecer e experimentar a grande predilecção com que o Senhor olhou para a nossa vida e a atenção carinhosa que tem para connosco. Deus atraiu-nos e nós seguimo-l’O. O Senhor sente a necessidade de "gritar", através do profeta, o amor pelo Seu povo, para que não se esqueça da grande história de bondade que viveu com o seu Senhor. Infelizmente, é fácil para o povo de Israel, assim como para nós, fixar a atenção sobre os créditos que temos para com os outros e não pensar nas muitas dívidas. Sucede, depois, que chegamos ao ponto de vangloriar diante de Deus os nossos méritos, como aquele fariseu da parábola evangélica, esquecendo-nos das dádivas e da graça que recebemos. Quantas vezes repetimos, também nós, o que Israel fez! Durante o caminho no deserto deixou-se levar por Deus, experimentando a Sua misericórdia mas, uma vez que entrou na Terra Prometida, acomodou-se na própria segurança dedicando-se a procurar a própria riqueza e o próprio bem-estar. Esta atitude levou-o a esquecer-se de Deus e da Sua misericórdia. O orgulho e o sentido de auto-suficiência levam a esquecer a obra de Deus e afastam inexoravelmente d’Ele. Mas Deus pede ao Seu povo uma resposta: "Que injustiça encontraram em mim os vossos pais para me abandonarem, indo atrás da nulidade dos ídolos, tornando-se eles próprios em nulidade?". É verdade, que injustiça podemos encontrar em Deus para O abandonarmos e seguirmo-nos a nós mesmos? É preciso colocarmos esta questão. Caso contrário, ficaremos de mãos vazias tendo preferido seguir a nós mesmos do que escutar o Senhor. Provavelmente, a desilusão de muitos momentos é também consequência de uma vida onde o Senhor conta pouco porque todos estamos ocupados connosco.


21/07/2016
Oração pela Igreja


Calendário da semana
NOV
27
Domingo, 27 de Novembro
Liturgia dominical
NOV
28
Segunda-feira, 28 de Novembro
Oração pelos pobres
NOV
29
Terça-feira, 29 de Novembro
Oração com Maria, Mãe do Senhor
NOV
30
Quarta-feira, 30 de Novembro
Oração dos Apóstolos
DEZ
1
Quinta-feira, 1 de Dezembro
Oração pela Igreja
DEZ
2
Sexta-feira, 2 de Dezembro
Oração da Santa Cruz
DEZ
3
Sábado, 3 de Dezembro
Oração da vigília
DEZ
4
Domingo, 4 de Dezembro
Liturgia dominical

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri