news

Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas

27 Abril 2020 - UVIRA, REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DO CONGO

Solidarity
Humanitarian emergencies

Compartilhe Em

O domingo foi um dia especial para as famílias de  Uvira, a cidade do Congo parcialmente destruída pelas chuvas torrenciais.

Sant’Egidio fez uma primeira distribuição de necessidades básicas graças à solidariedade internacional da Comunidade.

Até o momento, estima-se que 80.000 pessoas ficaram desabrigadas
. O rio Mulongwe transbordou, arrastando muitas casas para longe.

No ponto de distribuição, apareceram as mulheres, muitas idosas, que receberam farinha de milho, feijão, arroz, óleo e açúcar, com alguns utensílios necessários para a cozinha, além de produtos de higiene pessoal. A ajuda foi distribuída com toda a atenção reservada ao delicado período de emergência para contágio de coronavírus.

A ajuda é para o benefício das cerca de 900 pessoas que encontraram abrigo no local da paróquia de Nossa Senhora das Lágrimas, no distrito de Mulongwe, à espera de encontrar um lugar onde possam reconstruir as suas casas.

Estas são as primeiras ajudas importantes que chegaram ao local e foram acolhidas como um sinal de esperança para toda a cidade.

Na imprensa local, que destacou a iniciativa, a Comunidade lançou um apelo para que a sociedade congolesa se mobilize para multiplicar a ajuda e acompanhar a população na reconstrução.

PARA APOIAR O NOSSO TRABALHO APÓS A INUNDAÇÃO EM UVIRA CLIQUE AQUI >>

 



Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas
Congo, em Uvira, os primeiros socorros de Sant'Egidio após a inundação que deixou 80.000 pessoas desabrigadas