news

Ajuda humanitária e paz: na República Centro-Africana, uma revolta parou graças a um envio de ajuda por Sant'Egidio

30 Julho 2020 - REPÚBLICA CENTRO-AFRICANA

PeaceCentral African Republic

Comunicado de imprensa

Compartilhe Em

A solidariedade conduz à paz: aconteceu recentemente em Bouar, no distrito ocidental da República Centro-Africana, onde uma missão humanitária da Comunidade de Sant'Egidio conseguiu deter uma revolta que veio destabilizar toda a região na fronteira com os Camarões. Durante alguns meses, de facto, um grupo de ex-milicianos, isolados e sem recursos para viver por causa da pandemia de Covid-19, tinha bloqueado as estradas de acesso à cidade de Bouar, um cruzamento na principal artéria comercial do país.

A Comunidade de Sant'Egidio, que trabalha há anos para promover a paz na República Centro-Africana, interveio trazendo comida e ajuda disponibilizada graças ao financiamento do FAI (Fondation Assistance Internationale). A operação, realizada em colaboração com a Presidência da República Centro-Africana, teve o efeito de parar a revolta, reabrir o acesso à cidade e restaurar a confiança no desarmamento, num país onde vários grupos armados ainda operam.

O Presidente Touadéra e as autoridades locais expressaram a sua gratidão pela intervenção decisiva numa situação que corria o risco de degenerar. Sant’Egidio, que participa no programa nacional de desarmamento desde 2017, continuará a enviar ajuda a outros municípios e aldeias do país.