news

Líbia, acordo em Sant'Egídio entre as tribos do sul para a pacificação da cidade de Sebha

6 Outubro 2016 - ROMA, ITÁLIA

PeaceLibya

Os representantes das tribos reunidos em Sant'Egídio chegaram a um acordo para esta área estratégica do país

Compartilhe Em

De 3 a 5 de outubro reuniram-se em Roma, na Comunidade de Sant'Egídio, os representantes das tribos Awlad Suleiman e Tebu da cidade de Sebha, capital de Fezzan, a maior região do sul da Líbia.  As duas delegações, após uma longa e profunda discussão, assinaram uma declaração conjunta onde se afirma a vontade de restaurar a confiança reciproca e de trabalhar em conjunto para a convivência pacífica em Sebha, cidade estratégicas para todo o país, onde, desde o início da crise na Líbia, ocorreram confrontos entre as diferentes fações da população levando a uma situação de grande incerteza.

Os delegados agradeceram o papel desempenhado pela Comunidade de Sant'Egídio "pelo longo e constante compromisso ao lado dos habitantes da região de Fezzan", sublinharam a própria vontade de colaborar para o bem comum e promover o diálogo para a resolução de todas as divergências.

Sant'Egidio exprime a sua satisfação com um acordo que abrange a cidade mais importante do sul da Líbia, uma região chave para a pacificação de todo o país. A Comunidade está empenhada há vários anos para uma solução da crise da Líbia, e, em particular, tem desempenhado um papel preponderante na estabilização de Fezzan. Alguns passos importantes nesse sentido tinham já sido dados em novembro de 2015, pelas tribos Tuareg e Ubari para a pacificação da cidade de Ubari, e, em junho passado, por todas as partes do sul da Líbia com a assinatura, sempre em Sant'Egídio, de um acordo humanitário que levou a uma distribuição de medicamentos e suprimentos médicos nos sete principais hospitais no sul da Líbia. As remessas, que se destinavam a algumas unidades de saúde de Ubari e Sebha, já chegaram ao seu destino, graças ao envolvimento da Cooperação Italiana.