news

Líbia, Sant'Egidio: primeira reconciliação entre Misrata e Zintan

8 Dezembro 2016

PeaceLibya

Depois de uma longa crise, assinada em Roma, com a mediação da Comunidade de Sant'Egidio uma declaração conjunta entre representantes das duas cidades líbias

Compartilhe Em

 Representantes da cidade líbia de Zintan e Misrata reuniram-se nestes dias em Roma, graças à mediação da Comunidade de Sant'Egidio. No final dos encontros, que foram realizados num clima de escuta mútua, foi assinada uma declaração conjunta sobre as questões humanitárias dos refugiados e dos feridos nos confrontos que foram registados a partir de 2014.

 
As conversações incidiram sobre as questões mais urgentes que afectam as relações entre as duas cidades em vista de uma reconciliação que é estratégica para a estabilização da Trípolitânia.

A Comunidade de Sant'Egidio também comprometeu-se a, no futuro, em acompanhar o processo de aproximação entre as duas cidades expressando a sua satisfação com este passo a mais de desanuviamento numa situação geral do país que ainda é extremamente difícil. Este primeiro acordo entre os dois principais centros de Tripoli acrescenta-se aos acordos assinados nos últimos meses entre as tribos tuaregues, Tebu e Awlad Suleiman para apoiar a coesão do Fezzan e o envio de ajuda humanitária no sul do país. Uma reconciliação que, para a Líbia, só pode passar por uma "paz em pedaços" que se realize através de vários acordos que tirem gradualmente terreno ao conflito em curso e reconstruam pouco a pouco o tecido social e civil.