news

Dia do Migrante: 27 de Setembro em São Pedro para dizer que o futuro é o acolhimento e a integração

26 Setembro 2020

humanitarian corridor
Pope FrancisMigrants

Encorajar corredores humanitários e vias de entrada regulares

Compartilhe Em

Por ocasião do Dia Mundial do Migrante e do Refugiado, a Comunidade de Sant'Egidio junta-se às celebrações que se realizam em todo o mundo, começando por aquela com o Papa Francisco na Praça de São Pedro a 27 de Setembro, na qual participará com "Povos de Paz", composto por migrantes que frequentam as Escolas de Língua e Cultura italiana da Comunidade, e alguns refugiados que vieram com os corredores humanitários.

O tema escolhido este ano pelo Papa Francisco, "Como Jesus Cristo, obrigado a fugir", convida-nos a estar perto de todos os dramas da imigração, como aquele que se manifesta na ilha de Lesbos, para o qual é cada vez mais necessário deslocar os refugiados para lugares seguros.

Sant'Egidio, que ainda na passada terça-feira assinou um acordo com o Ministério do Interior italiano para a chegada a Itália de 300 pessoas da ilha grega, deseja que isto aconteça o mais rapidamente possível também a outros países europeus, para além daqueles que já demonstraram a sua vontade de acolher e que as rotas de entrada legal no nosso continente sejam abertas com urgência.

Desde Fevereiro de 2016, os corredores humanitários permitiram a chegada em segurança de mais de 3.200 refugiados na Europa (incluindo 2.600 em Itália), contrariando o negócio dos traficantes de seres humanos e iniciando o caminho da integração e da inclusão social.