news

Liturgia em Nova Iorque em memória dos sem-abrigo que morreram devido à dureza da vida nas ruas

28 Setembro 2021

Homeless
United States

Compartilhe Em

Pela primeira vez em Nova Iorque, celebrámos a liturgia em memória de Steven, um dos nossos primeiros amigos na rua que morreu sozinho numa livraria a 12 de Janeiro de 2016, e de todos aqueles que perderam as suas vidas devido à pobreza e ao abandono na rua.
Tal como Modesta Valenti - a primeira pessoa sem abrigo que perdeu a vida em 1983 e de quem a Comunidade se lembra todos os anos - tantos outros nossos amigos sofrem com a dureza da vida nas ruas, que se agravou durante a pandemia.

Os nomes de todos aqueles que morreram foram lidos e as crianças da Escola da Paz acenderam uma vela em memória deles. Muitos dos nossos amigos e organizações participaram neste momento de lembrança comum. A flor e a imagem distribuída no final confortam-nos e fortalecem-nos, unidos nesta grande e bela família.
Como já foi mencionado, é um momento de amizade da Comunidade que acompanha a vida daqueles que são pobres e sozinhos na sua vida quotidiana, particularmente na distribuição regular de jantares na rua à noite.



Liturgia em Nova Iorque em memória dos sem-abrigo que morreram devido à dureza da vida nas ruas
Liturgia em Nova Iorque em memória dos sem-abrigo que morreram devido à dureza da vida nas ruas
Liturgia em Nova Iorque em memória dos sem-abrigo que morreram devido à dureza da vida nas ruas
Liturgia em Nova Iorque em memória dos sem-abrigo que morreram devido à dureza da vida nas ruas