news

Emergência de coronavírus - Precauções e mais solidariedade, para proteger e não esquecer ninguém: idosos, doentes e sem-abrigo

5 Março 2020

Solidaritycoronavirus

Compartilhe Em

Não deixar ninguém sozinho, especialmente as pessoas mais frágeis e vulneráveis, diante da propagação da epidemia de coronavírus. É a exigência a que Sant'Egidio tenta responder nestes dias, com senso de responsabilidade, para contribuir com eficácia para a contenção do contágio, em conformidade com as medidas necessárias, mantendo e, se possível, fortalecendo os laços de solidariedade que, para muitos representam um apoio vital.

As modalidades de apoio aos idosos estão a ser multiplicandas: não apenas fornecendo necessidades básicas (ajudando, por exemplo, a levar para casa as compras ou os remédios), mas também buscando todos os meios para mitigar o isolamento: actualmente, em vários lares de idosos e casas de repouso, cartas e mensagens de vídeo foram enviadas aos idosos pelos amigos da Comunidade, em particular pelos Jovens pela Paz.  E o programa "Viva gli Anziani", ("Viva os Idosos"), presente em Roma e em outras cidades italianas, está a desenvolver uma campanha de informação e apoio para ajudar os idosos a tomar as precauções necessárias. Para informações, consulte o blog "Viva gli Anziani".

Atenção particular requer a situação das pessoas sem-abrigo. A precariedade das suas condições de vida é agravada nesse período pelo isolamento adicional gerado pela menor circulação de pessoas (fica mais difícil para eles receber atenção e ajuda). Isso pede-nos de levar particularmente a peito a saúde deles.

Os refetórios dos pobres da Comunidade permanecem abertas e a distribuição de refeições nos "jantares itinerantes" continua, com as devidas precauções (uso de desinfetantes, entradas escalonadas para manter distâncias seguras, possivelmente refeições para levar), mas também é necessário fornecer aos que vivem pelas ruas qualquer coisa que possa ajudar a se proteger do contágio. Por esse motivo, iniciou-se uma distribuição, juntamente com a comida, de desinfetantes de géis e outros meios úteis.

A crescente necessidade de alimentos e  meios úteis para a higiene é um convite a uma maior solidariedade.

É possível contribuir financeiramente ou recolhendo algo útil, como alimentos, desinfetantes de géis e lenços de papel

PARA DOAR CLIQUE AQUI

Para obter informações sobre os centros de recolha em Roma, ligue para n. 06.4292929

ppara o resto da Itália: acesse a página CONTATTI (CONTACTOS)

 

 

 



Emergência de coronavírus - Precauções e mais solidariedade, para proteger e não esquecer ninguém: idosos, doentes e sem-abrigo
Emergência de coronavírus - Precauções e mais solidariedade, para proteger e não esquecer ninguém: idosos, doentes e sem-abrigo
Emergência de coronavírus - Precauções e mais solidariedade, para proteger e não esquecer ninguém: idosos, doentes e sem-abrigo
Emergência de coronavírus - Precauções e mais solidariedade, para proteger e não esquecer ninguém: idosos, doentes e sem-abrigo