news

Também a França abre aos corredores humanitários para os refugiados da Síria

11 Março 2017 - PARIS, FRANÇA

Andrea RiccardiMarco ImpagliazzoSyriaFrancehumanitarian corridor

Terça-feira dia 14 assinatura no Eliseu na presença do presidente Hollande

Compartilhe Em

 Enquanto a guerra continua na Síria - e para os refugiados já se fecharam as portas dos países vizinhos - a Comunidade de Sant'Egidio acolhe com grande satisfação o anúncio da abertura de novos corredores humanitários pela França, graças ao acordo que será assinado  naterça-feira dia 14  de Marco no Eliseu, na presença do Presidente François Hollande


O projecto abrangerá, num ano e meio, 500 refugiados sírios e iraquianos atualmente no Líbano, "com prioridade para as mais vulneráveis" (famílias com crianças, mulheres sozinhas, idosos, doentes, pessoas com deficiência). Eles também, como os 700 que já chegaram no nosso país, viajarão de avião e não nos barcos, sem arriscar as suas vidas, realizando os controles na partida. Serão recebidos na França por cinco organizações patrocinadoras: a Comunidade de Sant'Egidio, a Federação Protestante da França, Conferência dos Bispos da França, Entraide Protestante et Secours Catholique. Para o Estado assinarão o ministro do Interior, Bruno Le Roux e il ministro degli Esteri Jean-Marc Ayrault.

“É - diz o presidente de Sant’Egidio, Marco Impagliazzo – um passo novo e importante em direção a uma Europa que não se fecha por medo por trás dos muros, mas enfrenta a chegada de refugiados que fogem da guerra com humanidade olhando para a segurança de todos, daqueles que fogem dos conflitos e quem os recebe, e promovendo a integração ".Em Paris, irá para a ocasião uma delegação de Roma, liderada pelo fundador da Comunidade de Sant’Egidio Andrea Riccardi.

Apoie os Corredores Humanitários
{DOE_ONLINE?progetto=76}