news

Em poucos dias, a terceira missão de Sant'Egidio entre os refugiados Rohingya

11 Janeiro 2018 - BANGLADESH

Rohingya
Humanitarian emergencies

Compartilhe Em

Embora o foco internacional no drama de Rohingya tenha diminuído, a situação nos campos de refugiados continua dramática. Em particular, a situação de saúde está a piorar: depois de uma epidemia de cólera, difundida em Dezembro, foi a vez da difteria, que afetou particularmente as crianças. A chegada da monção, que estáa aproximar-se, faz pressagiar uma agudização da malária.

Uma nova missão de Sant'Egidio partirá no final desta semana, para entregar nova ajuda. Desta vez, queremos chegar ao campo de refugiados de Kutupalong, que contém mais de 400 mil Rohingya.

Conforme anunciado no final da última missão, (LEIA) continua o nosso compromisso ao lado da MOAS (Migrant Offshore Aid Station)     nnos hospitais de campanha de Shamlapur e de Unchiprang e com a Caritas Bangladesh para a distribuição de necessidades básicas (alimentos, roupas, remédios).

Mas acima de tudo, a Comunidade pretende tomar conta da situação dramática das crianças, que são cerca de 350.000. Com a associação de Bangladesh "We the Dreamers" e a indonésia Muhammadiyah, em breve abrirá uma Escola e um Centro Nutricional para as crianças de Jamtholi.

Aiutiamo i profughi Rohingya rifugiati in Bangladesh
Dona online