news

Os cristãos e o dom de "uma coragem suave de paz e solidariedade" diante da pandemia: o Arcebispo Anastasios de Albânia, numa carta a Andrea Riccardi

1 Junho 2020

Ecumenism
Andrea Riccardicoronavirus

Compartilhe Em

O Arcebispo Anastasios, da Igreja Ortodoxa de Albânia, expressou em uma carta a Andrea Riccardi os seus sentimentos de cristão e de pastor diante da pandemia de Covid-19.

 

Caro Prof. Riccardi, amado irmão no Senhor.
Cristo ressuscitou! De verdade ressuscitou!

Obrigado pela sua gentil carta e os melhores votos de 8 de Abril de 2020. A amizade com a Comunidade de Sant'Egidio e os seus esforços permanecem na nossa mente neste momento difícil da história em que trabalhamos para ajudar os necessitados. Um hino pascal fala de um dom fundamental que o Senhor ressuscitado nos deu: Quando as portas estavam fechadas, Jesus veio até aos discípulos e deu-lhes coragem e paz.

Liberdade de todas as formas de medo, da depressão, do medo de uma injustiça impiedosa. Liberdade do medo diante da insegurança crescente, da ameaça da pobreza. Liberdade do medo da doença, da pandemia da COVID-19. Liberdade do medo da morte.

Esta temeridade não é assegurada por um optimismo abstracto, mas por dois antídotos únicos: a fé no Deus do amor e o amor desinteressado. Deus não nos abandonará. Não há medo no amor, mas o amor perfeito afasta o medo (1 João 4:18).

Aqueles de nós que têm o dom da fé deveriam cuidar dela, alimentando-a com humildade, estudo e oração, pedindo como os discípulos "Senhor, aumentai a nossa fé". Também não podemos esquecer de rezar por aqueles que têm dificuldade em acreditar. É um dever de amor e respeito por eles.

Celebramos a Páscoa livres de todas as formas de medo. Ao choque e à ansiedade que esta pandemia sem precedentes espalhou, nós respondemos com a coragem que Cristo crucificado e ressuscitado nos concede. Uma coragem suave de paz e solidariedade. Pensando afectuosamente na Comunidade de Sant'Egidio, e rezando pelos seus esforços, sobretudo no momento difícil desta pandemia, desejamos que o Senhor Crucificado e Ressuscitado ilumine as vossas vidas e guie as vossas obras com a paz e a solidariedade que Cristo, vencedor da morte, inspira, e permaneçamos com amor fraterno no Senhor Ressuscitado.
 

Anastasios

Arcebispo de Tirana, Durres e toda a Albânia

Ir para a biografia



Os cristãos e o dom de
Os cristãos e o dom de