Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
17 Agosto 2016

Progressos na negociação para o fim do conflito armado em Moçambique. No país há sede de paz

a partir das jovens gerações nascidas após o histórico acordo de 1992

 
versão para impressão

 Moçambique, após as disputadas eleições de 2014, está a viver uma profunda crise política. Nos últimos meses, a violência e os confrontos armados entre as forças do governo de Moçambique e o principal partido da oposição, a Renamo, causaram vítimas e empurraram várias milhares de moçambicanos a refugiar-se no vizinho Malawi. Desde 18 de Julho, iniciou uma negociação internacional para resolver a actual crise política, com a presença de vários mediadores sob a coordenação da União Europeia, representada por Mario Raffaelli e Padre Angelo Romano, da Comunidade de Sant'Egidio.

A negociação trabalha no âmbito de uma denominada "Comissão Mista", composta por doze representantes do Presidente da República de Moçambique e do Presidente da Renamo. Hoje esta negociação atingiu um resultado importante. A Renamo pede, desde o início da crise política, de poder governar as províncias de Moçambique onde tem um forte apoio político da população. Esta solicitação precisava, para ser resolvida, de uma negociação mais ampla, no contexto da reforma das autarquias locais de Moçambique.
A negociação obteve que a reforma do Estado moçambicano, sob a bandeira da descentralização, se torne parte do trabalho da própria negociação: hoje foi criada uma subcomissão responsável por este trabalho particular, sempre com a ajuda da Negociação. Este resultado permitirá a criação de um clima de confiança necessário para a conquista da paz.
A Comunidade de Sant'Egidio, presente em todas as províncias de Moçambique, protagonista da negociação que levou ao acordo de paz a 4 de Outubro de 1992, ainda está na linha de frente para defender os importantes resultados obtidos no acordo histórico e progredir no caminho da paz, do desenvolvimento e do viver juntos. A "geração da paz", isto é, dos moçambicanos nascidos após os acordos de paz de 1992, é hoje maioria no país e clama em voz alta que a paz não seja desperdiçada.


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
9 Fevereiro 2017

Sant'Egidio faz festa para os 49 anos com opovo da Comunidade

IT | ES | DE | FR | PT | CA
3 Fevereiro 2017
ROMA, ITÁLIA

Visita do Presidente do Parlamento esloveno Milan Brglez à Comunidade de Sant'Egidio

IT | ES | DE | PT
1 Fevereiro 2017
ADIS ABEBA, ETIÓPIA

30ª Cimeira da União Africana, uma delegação de Sant'Egidio encontra o novo presidente Moussa Faki

IT | ES | DE | PT
14 Janeiro 2017
MOÇAMBIQUE

Moçambique: Uma trégua que dá esperança

2 Janeiro 2017

2017 as crianças de todo o mundo pedem a paz.

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA
2 Janeiro 2017

Boas notícias do Congo: alcançou-se um acordo sobre as eleições. O papel decisivo da Conferência Episcopal

IT | ES | DE | FR | PT
todas as notícias
• IMPRIMIR
2 Janeiro 2017
Aachener Zeitung

Zahlreiche Kerzen symbolisieren die Brandherde auf der Erde

2 Janeiro 2017
SIR

Marcia pace: Comunità Sant’Egidio, migliaia a Roma e in altre città italiane

2 Janeiro 2017
Zenit

Impagliazzo: “Dopo l’attentato di Istanbul, la nostra marcia assume un significato più forte”

2 Janeiro 2017
Gazzetta di Parma

Le vie del centro invase dai colori della pace

2 Janeiro 2017
Il Secolo XIX

Marcia della pace, in 1.500 con i profughi

2 Janeiro 2017
La Nazione

Fiaccole accese per la pace

todos os press releases
• DOCUMENTOS

Libya: The humanitarian agreement for the region of Fezzan, signed at Sant'Egidio on June 16th 2016 (Arabic text)

Nuclear Disarmament Symposium on the 70 th anniversary of the atomic bomb. Hiroshima, August 6 2015

Meeting: RELIGIONS and VIOLENCE

todos os documentos
• LIVROS

Religioni e violenza





Francesco Mondadori

Hacer la paz





Proteus
todos os livros