news

Dor e indignação pela execução no Texas de Kosoul Chanthakoummane apesar do perdão da família da vítima e de milhares de apelos de todo o mundo

18 Agosto 2022 - COPENHAGEN, ESTADOS UNIDOS

Death Penalty

Compartilhe Em

Nem o perdão da família da vítima nem os milhares de apelos que vieram de todo o mundo pedindo que a sentença de morte de Kosoul Chanthakoummane, de apenas 41 anos de idade, não fosse executada foi suficiente. A execução foi realizada ontem à noite na prisão de Huntsville, Texas.

A Comunidade de Sant'Egidio, juntamente com os muitos que apoiaram o apelo pela vida de Kosoul nos últimos dias, expressa toda a sua tristeza e indignação.

O horror desta morte é tanto maior por as feridas causadas há mais de 16 anos já terem sido saradas pelo perdão do pai da vítima, que já em 2013 tinha manifestado publicamente, também na imprensa, o seu desejo de que Kosoul não fosse executado.

A Comunidade de Sant'Egidio agradece a todos aqueles que apoiaram o apelo para salvar Kosoul e convida todos a reforçar o seu compromisso pela vida e contra todas as formas da pena de morte.


LEIA MAIS