Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
24 Agosto 2015 | ROMA, ITÁLIA

ENCONTRO INTERNACIONAL

As religiões em Tirana de 6 a 8 de Setembro com Sant'Egidio para dizer: a paz é sempre possível #peaceispossible

para falar sobre as emergências reais do nosso mundo: ambiente, desigualdades sociais, resolução de conflitos e buscar juntos respostas e soluções

 
versão para impressão

Estamos a assistir há anos a guerras que ninguém parece ter a força ou a vontade de mandar parar, como a que se combate na Síria, e que geram novas vítimas a cada dia, alimentando o desespero da população civil e colocando em oposição grupos étnicos e confissões religiosas, até aos tempos mais recentes eram inseridas num quadro de coexistência.
Se a comunidade internacional não consegue impor nem sequer uma trégua humanitária é necessária uma mobilização popular que seja capaz de fazer ouvir a voz dos muitos que já veem a emigração como a sua única saída a custa de travessias extremamente arriscadas para a Europa.

A convite da Comunidade de Sant'Egidio, juntamente com as Igrejas Católica e Ortodoxa da Albânia, as grandes religiões do mundo tomaram a iniciativa de um Encontro Internacional, "A PAZ É SEMPRE POSSÍVEL - Religiões e culturas em diálogo", a ser realizada em Tirana de 6 a 8 de Setembro. Um grande evento no "espírito de Assis" - a primeira Oração pela Paz, desejada por João Paulo II em 1986, na cidade de São Francisco - que este ano terá um caráter especial, não apenas pelo atual cenário de guerras e conflitos de origens diferentes, mas também pelo crescimento de um novo sujeito representado pela força pacífica das religiões que se contrapõe à violência com propostas concretas e realizáveis.

Espera-se, na assembleia de abertura, por uma importante mensagem do Papa Francisco. Mas durante três dias, em dezenas de mesas-redondas, alternar-se-ão os líderes religiosos mais importantes da Europa e do Mediterrâneo, da Ásia e da África, juntamente com representantes das instituições e da cultura: para estes será lançado um forte apelo para que se realizem imediatas tréguas humanitárias e se inicie urgentemente o complexo, mas ao mesmo tempo essencial, trabalho para a construção da paz. Serão interpeladas todas as instituições internacionais, mas particularmente a Europa que está diante de um dilema: fechar as suas portas e envelhecer tristemente ou aceitar os novos desafios com que se depara, tais como os da paz, do colhimento e da integração.

Mas o evento terá também um caráter popular: a cada dia está a ampliar-se o número de aqueles que - de todas as partes da Europa e mais além -juntar-se-ão, no início de Setembro, como peregrinos de paz para acompanhar o encontro na capital da Albânia.
Porque a Albânia? Porque para construir a paz é necessário partir das periferias. Papa Francisco, há um ano, iniciou de aqui para visitar a Europa. E hoje mesmo este pequeno País, que hospeda a maior presença muçulmana do velho continente, tornou-se um modelo de coexistência entre religiões e culturas, um laboratório interessante, onde durante três dias abordar-se-ão temas relacionados com a paz como: o desenvolvimento sustentável, as emergências ambientais (que dizem respeito ao planeta em geral, mas também às condições de vida de muitas periferias das megacidades do mundo) e as desigualdades sociais.

Muitos serão as testemunhas dos Países em conflito, como a Síria, o Iraque, a Nigéria, Mindanao (Filipinas) e a Líbia, para que todos escutem as suas vozes e contribuam para a construção da paz.

Sigam-nos também via web:
O hashtag è #peaceispossible

Website
: www.santegidio.org
Twitter: @santegidionews
Facebook: Comunità di Sant'Egidio
Youtube: santegidio
Google Plus : Comunità di Sant'Egidio

Os lugares do Encontro >>

 

 

 

 
 
 
 
 
 
 
 

Seguici anche via web su:

   

     

L’hashtag è #peaceispossible