change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
7 Outubro 2014

Milhares de vozes para salvar Aleppo: o cerco continua, há muitas vítimas. ASSINEMOS E DIFUNDAMOS ESTE APELO!

Todos os dias acrescentam-se assinaturas ao apelo promoivido por Andrea Riccardi: entre as mais recentes, Mário Soares, o cardeal Sepe, Baruch Tenembaum, o ex-presidente da UNESCO, Federico Mayor Zaragoza

 
versão para impressão

 "Deve-se mandar parar um massacre que dura há dois anos. É necessária uma intervenção internacional para libertar Aleppo do cerco. É preciso um salto de responsabilidade por parte dos Governos envolvidos: da Turquia, que está ao lado dos rebeldes, à Rússia, que tem autoridade com o Assad. Salvar Aleppo vale mais do que uma declaração de parte no campo! Devem-se estabelecer corredores humanitários e suprimentos para os civis. E então tem que se negociar até o fim para acabar com os combates. Uma força de paz da ONU seria apropriada. Claro, leva tempo para ser realizada e ter a cooperação de Damasco. Enquanto isso, o povo de Aleppo morre. Deve-se impor a paz em nome de quem está a sofrer. Uma espécie de "Aleppo cidade aberta"Leia mais


 

Com estas palavras Andrea Riccardi lançou um apelo à comunidade internacional para a salvação da cidade de Aleppo, na Síria, onde continuam bombardeios, com um grande número de vítimas. À sua uniram milhares de vozes, de todo o mundo. 
JUNTE-SE TAMBÉM VOCÊ ASSINE O APELO ONLINE

Entre as adesões recebidas até agora, os Prémios Nobel pela Paz Desmond Tutu e Perez Esquivel

representantes da Igreja Católica e outras igrejas cristãs, incluindo 

Marco Impagliazzo - O presidente da Comunidade de Sant'Egidio

Giovanni La Manna - Presidente do Centro Astalli, o Serviço Jesuíta para os Refugiados

Cardeal Sepe, arcebispo de Nápoles

Cardeal Theodore E. McCarrick - arcebispo emérito de Washington

João Paulo Ramonda - Gerente Geral da Comunidade Papa João XXIII

Maria Voce - Presidente do Movimento dos Focolares

Julian Carron - Presidente da Fraternidade de Comunhão e Libertação

Davy De Virville Directeur des Bernardins Paris França

 

os bispos de Versalhes, Arras, Creteuil, Cambrai, na França

líderes religiosos muçulmanos e do mundo judaico, incluindo 

Kamel KABTANE Recteur de la Grande Mesquita de Lyon

Mohammad Sammak - Comitê Nacional para o diálogo entre cristãos e muçulmanos, no Líbano

Maulana Muhammad Abdul Syed Khabir Azad, Grande Mesquita Imam Badshahe Lahore, Paquistão

Din Syamsuddin - O presidente do Comitê Central da Muhammadiyah, Indonésia


David Rosen - Rabbi, Diretor Internacional de Relações Inter-religiosas, American Jewish Congress

 

Michel Serfaty - Rabbin Professeur emérito de France

numerosos representantes do governo italiano e de outros governos, incluindo

László Trócsányi - Ministro da Justiça do governo húngaro

Emil Constantinescu - O ex-Presidente da Roménia

Edi Rama - O primeiro-ministro da Albânia

Bernard Kouchner - um ex-ministro das Relações Exteriores do governo francês

Mário Soares - o ex-presidente de Portugal

representantes de instituições de cultura e internacionais, incluindo

Federico Mayor Zaragoza, ex-diretor-geral da UNESCO, Fundação Cultura de Paz, Madrid

Umberto Eco - escritor e semiólogo

Michel Camdessus - O ex-diretor do Fundo Monetário Internacional

Katherine Marshall - Berkley Centro de religião, paz, e questões internacionais

Françoise Rivière - ex-Diretor-Geral da UNESCO

 

Marco Tarquinio - Diretor de "Avvenire"

homens e mulheres de 72 nações diferentes. O número da adesões está a crescer dia a dia
tanto assim que não é possível publicá-las todas, (aqui uma lista parcial) Até agora {O contador é actualizado constantemente} atingiu 3.079 assinaturas.

CONTINUUEMOS A ESPALHAR ESTE APELO, PARA QUE PREVALEÇAM AS RAZÕES DA VIDA E DA PAZ. 

Eu gostaria de assinar o apelo "Salviamo Aleppo" 











(De acordo com a lei 196/2003 sobre a protecção dos dados pessoais)
Em relação à comunicação dos meus dados pessoais à Comunidade de Sant'Egidio, dou o meu consentimento para que estes sejam mantidos em um arquivo especial usando ferramentas manuais, informatizadas e telemáticas.
(*)campo obrigatório


ENVIE A SUA ADESÃO AO APELO


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
4 Outubro 2017
ROMA, ITÁLIA

A Conferência sobre os 25 anos de Paz em Moçambique: o modelo italiano que deu esperança à África

IT | EN | DE | PT
4 Outubro 2017

25 anos de paz em Moçambique: história de um país em saída da guerra e da pobreza

IT | EN | ES | DE | PT | ID
10 Agosto 2016

A Comunidade de Sant'Egidio pede mais uma vez, fortemente, uma trégua para a cidade de Alepo

IT | ES | DE | FR | PT
17 Fevereiro 2016

Andrea Riccardi num vídeo reitera o seu apelo: Alepo está a morrer. Temos de agir rapidamente #SaveAleppo

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | RU | UK
13 Fevereiro 2016

Síria, o acordo de Munique é um começo, mas parem os bombardeamentos

IT | ES | DE | FR | PT | CA
26 Abril 2017
BERLIM, ALEMANHA

Assinado hoje em Berlim um acordo de cooperação entre a Comunidade de Sant'Egidio e o Governo alemão

IT | ES | DE | FR | PT | NL | RU
todas as notícias
• IMPRIMIR
24 Dezembro 2016
Corriere della Sera

Andrea Riccardi: Il Natale perduto dei cristiani di Aleppo

9 Janeiro 2018
Corriere della Sera

Andrea Riccardi. Il Papa e l’Italia: esempio positivo ma timore di «chiusure preclusioni»

29 Dezembro 2017
Corriere della Sera

Andrea Riccardi: L’Italia, la Costituzione e l’impegno per la pace

1 Dezembro 2017
Famiglia Cristiana

Andrea Riccardi: 400mila morti vittime del cinismo

5 Outubro 2017
Avvenire

Il Mozambico rinato: quella pace che ha fatto storia

4 Outubro 2017
L'huffington Post

I 25 anni dalla fine della guerra in Mozambico dimostrano che la pace è sempre possibile

todos os press releases
• EVENTOS
1 Janeiro 2018

Paz en todas las tierras . Liturgia Eucarística

Todas as reuniões de oração pela paz
• DOCUMENTOS

''Entente de Sant'Egidio'': Political Agreement for Peace in the Central African Republic

Libya: The humanitarian agreement for the region of Fezzan, signed at Sant'Egidio on June 16th 2016 (Arabic text)

todos os documentos