Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
30 Dezembro 2014 | LÍBANO

Crianças sírias em fuga da guerra para a escola de paz em Al Fakiha no norte do Bekaa, no Líbano

No final de um ano muito difícil, marcado por uma constante chegada de refugiados da Síria, a escola viu quase duplicado o número dos inscritos.

 
versão para impressão

2014 foi um ano difícil no vale superior do Bekaa, no Líbano. Por causa dos combates entre as tropas do Hezbollah e os rebeldes sírios, ao lado da fronteira, em torno da pequena cidade libanesa de Al Fakiha houve tiroteios, sequestros, e algumas áreas viram-se sob o fogo contínuo de tiros de morteiro.

Chegaram milhares de refugiados, famílias com muitos filhos, muitas vezes muito pequenos, fugindo da área de Yabrud, uma pequena cidade síria perto da fronteira, palco de combates durante muitas semanas.

Ser crianças numa zona de guerra expõe a perigos contínuos e faz com que seja difícil tudo: até mesmo a Escola da Paz, aberta há já três anos, sofreu com esta situação. Na primeira parte do ano escolar não foi possível realizar regularmente as aulas, porque às vezes era perigoso demais até mesmo ir buscar os meninos nos campos de refugiados com minibus, ou as ruas estavam bloqueadas.

Para recuperar o atraso, deram-se as aulas até o final de Julho, em pleno verão. Durante os meses de verão continuou a agitação quer em Al Fakiha quer em Ras Baalbek. Os refugiados abandonaram os campos - um dos quais foi queimado. Aqueles que não conseguiram fugir encontraram abrigo na cidade, onde agora as famílias refugiadas vivem acampadas em tendas ou em abrigos improvisados, mas se sentem mais protegidas.

Com o novo ano escolar, para atender à nova situação, a Escola da Paz de Al Fakiha foi estruturada de forma melhor, a fim de acomodar um número maior de crianças. Foram alugadas mais salas, e hoje existem sete salas de aula. Os inscritos são 557 e, portanto, as aulas são organizadas em dois turnos, de manhã e à tarde.

Os professores também aumentaram: entre os novos refugiados, havia, de facto, mesmo alguns professores sírios, que a directora envolveu, elevando para 11 o número de professores.

Esta escola, que abriu há três anos, graças a uma recolha que envolveu todas as Comunidades de Sant'Egidio no mundo, apesar de estar situada no Líbano segue o currículo escolar sírio: para que não acabe a esperança de que a paz regresse para a Síria e as crianças possam voltar para as casas delas


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
6 Dezembro 2016
GENEBRA, SUÍÇA

Sant’Egídio torna-se Observador permanente do Conselho da Organização Internacional pela Migração

IT | ES | DE | FR | PT
5 Dezembro 2016

Salvar vidas humanas da guerra na Síria é possível: com os #corridoiumanitari

IT | ES | PT | CA
2 Dezembro 2016
ROMA, ITÁLIA

Aqui estão os rostos e as vozes dos refugiados sírios que fugiram da guerra, hoje em Itália, com os #corridoiumanitari

IT | ES | DE | FR | PT | CA | RU | HU
1 Dezembro 2016

Mais 100 refugiados salvos com #corridoiumanitari. O projeto completa um ano de vida e atinge uma cota de 500 pessoas

IT | DE | FR | PT
25 Novembro 2016
PARIS, FRANÇA

Paz na Síria, Iraque, República Centro-Africana: conversa entre Andrea Riccardi e o Ministro dos Negócios Estrangeiros francês Jean-Marc Ayrault

IT | ES | DE | FR | PT
20 Novembro 2016

Dia mundial dos direitos da criança: Sant'Egidio ao lado das crianças

IT | ES | DE | PT | HU
todas as notícias
• IMPRIMIR
1 Dezembro 2016
OnuItalia

Corridoi umanitari: 40 profughi a Fiumicino; Sant’Egidio, modello per Europa

22 Novembro 2016
Osnabrücker Kirchenbote

Eine Kerze für jeden toten Flüchtling

20 Novembro 2016
Catalunya Cristiana

«Ser refugiada és començar de zero»

18 Novembro 2016
L'Osservatore Romano

Insieme per la pace

16 Novembro 2016
Münstersche Zeitung

"Grazie mille, Papa Francesco"

25 Outubro 2016
La Vanguardia

Una iniciativa ecuménica lleva refugiados a Roma y los recibe un ministro

todos os press releases
• PENA DE MORTE NO
7 Outubro 2015
UNITED STATES

The World Coalition Against the Death Penalty - XIII world day against the death penalty

5 Outubro 2015
EFE

Fallece un preso japonés tras pasar 43 años en el corredor de la muerte

24 Setembro 2015

Pope Francis calls on Congress to end the death penalty. "Every life is sacred", he said

12 Março 2015
Associated Press

Death penalty: a look at how some US states handle execution drug shortage

12 Março 2015
AFP

Arabie: trois hommes dont un Saoudien exécutés pour trafic de drogue

9 Março 2015
Reuters

Australia to restate opposition to death penalty as executions loom in Indonesia

9 Março 2015
AFP

Le Pakistan repousse de facto l'exécution du meurtrier d'un critique de la loi sur le blasphème

9 Março 2015
AFP

Peine de mort en Indonésie: la justice va étudier un appel des deux trafiquants australiens

28 Fevereiro 2015
UNITED STATES

13 Ways Of Looking At The Death Penalty

15 Fevereiro 2015

Archbishop Chaput applauds Penn. governor for halt to death penalty

11 Dezembro 2014
MADAGÁSCAR

C’est désormais officiel: Madagascar vient d’abolir la peine de mort!

3 Dezembro 2014

5th Circuit Court of Appeals stops execution of Scott Panetti!

ir para nenhuma pena de morte
• DOCUMENTOS

Dossier: What are the humanitarian corridors

todos os documentos
• LIVROS

Trialoog





Lannoo Uitgeverij N.V

Keerpunt





Lannoo Uitgeverij N.V
todos os livros

FOTOS

847 visitas

804 visitas

696 visitas

981 visitas

897 visitas
todos os meios de comunicação relacionados

Per Natale, regala il Natale! Aiutaci a preparare un vero pranzo in famiglia per i nostri amici più poveri