Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - amizade ...s pobres - immigrati e rom - as escol...italiano - roma, no...iplomas. newsletterlink

Support the Community

  

Roma, no Auditorium Antonianum, domingo 13 de Novembro: cerimónia inaugural do novo ano lectivo da escola de língua e cultura italiana e a entrega de diplomas.


 
versão para impressão

 A língua como base de integração e do direito a cidadania. 

Roma, no Auditorium Antonianum, domingo 13 de Novembro: cerimónia inaugural do novo ano lectivo da escola de língua e cultura italiana e a entrega de diplomas.

 

Um significativo passo à frente para a integração e o direito a cidadania foi cumprido ontem, com a entrega dos diplomas de língua a 1335 imigrantes, provenientes de 90 países do mundo, estudantes da Escola de língua e cultura italiana da comunidade de Sant’Egidio em Roma. 

Entre estes, 291 certificações CELI (Certificação da Língua Italiana) na base da Convenção da Escola com a Universidade para Estrangeiros de Perugia. 

 

No decorrer da cerimonia, depois do cumprimento do Decano da Escola, Claudio Cottatelucci, alguns estudantes levaram o seu testemunho de como, a partir do encontro com a Escola, foram envolvidos no movimento Gente de Paz, e desta forma um empenho concreto pelo dialogo com os outros e com a cultura da convivência.

Os testemunhos fizeram evidenciar como, graças a escola, mesmo partindo de mundos religiosos, culturais e sociais tão diferentes, seja criado entre os estudantes uma linguagem e um sentir comum, que os vê empenhados sobre temas como a solidariedade, a atenção aos idosos , os problemas de quem não tem casa. 

Assim, Anoir, de Marrocos, mas também Zhenny, das filipinas, Constantin Serpeanu da Romenia, e Patricia Vilca do Peru, expressaram em nome de todos, as expectativas, os problemas, as alegrias e as dificuldades dos imigrantes, a gratidão de ter encontrado uma escola de qualidade onde “os professores trabalham grátis e são também eles amigos que se preocupam pela nossa vida”. Mas também as suas experienciam no encontro com os pobres, mas também os seus sonhos, e a mudança do seu coração a partir do encontro com os pobres que vivem na rua. Palavras que exprimem muito bem quanto a Escola de Língua e de Cultura da Comunidade de Sant’Egídio não seja só a resposta – mesmo necessária – a uma necessidade de instrução e de integração, mas contribua a fazer de estes jovens os verdadeiros italianos de amanha, pessoa capazes de contribuir  na construção de um tecido social humano, justo e solidário, cidadãos que puderam dar um contributo substancial no desenvolvimento da sociedade italiana.

QIsto é o resultado evidente das palavras dirigidas aos estudantes e aos professores de Marco Impagliazo, presidente da Comunidade de Sant’Egídio.  

Partindo da constatação da crise de visões do futuro, ele sublinhou seja a cultura da amizade, e quanto o estar juntos para estudar ajuda cada um a perceber onde ir, onde dirigir a própria vida, seja a importância de contribuir a “ civilização da convivência”, ou a construção de uma casa comum a que cada um é chamado a oferecer “ o próprio tijolo”. “ Não se caracteriza só a nossa origem – disse Impagliazo – mas também quem somos hoje na realidade em que vivemos e que pessoas queremos ser amanha”. Palavras acolhidas com muita comoção mais que com alegria pelos presentes. 


O presidente deu depois os diplomas dos diferentes níveis e cursos. 


A festa concluiu-se com um espectáculo na qual os cantos e as danças de várias partes do mundo mostraram a beleza deste “ viver juntos”.   

ALGUNS DADOS

 

 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
8 Fevereiro 2011

O Cardeal Vigário de Roma, Agostino Vallini, preside a vigília de oração para as os meninos ciganos mortos por causa de um incêndio

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL
21 Julho 2010

Génova (Itália): Festa pela entrega dos diplomas da escola de língua e cultura italiana da Comunidade de Sant’Egidio

IT | ES | FR | PT | CA
31 Maio 2010

Roma: "Direito à escola, direito ao futuro". Uma festa interétnica para concluir o segundo ano do programa para a integração escolar das crianças ciganas

IT | EN | ES | DE | FR | PT | CA | NL | ID
30 Maio 2010

Pécs (Hungria): Memória dos hebreus e dos ciganos deportados ao longo da segunda guerra mundial

IT | ES | DE | FR | PT | CA | NL
27 Julho 2009

Férias de verão com as crianças ciganas na República Checa: uma resposta contra a violência anticigana

IT | DE | FR | PT | ID
todas as notícias
• IMPRIMIR
22 Janeiro 2017
Avvenire - Ed. Lazio Sette

«L'integrazione, interesse di tutti»

5 Junho 2017
La Stampa

Sant'Egidio da sola fa più dell'Europa

11 Maio 2017
Avvenire

Traccia bruciante

11 Maio 2017
Il Messaggero Veneto

Rogo camper. Obiettivo integrazione: il rimedio mai adottato

7 Abril 2017
Vatican Insider

Giornata dei Rom, Sant’Egidio: “Antigitanismo ancora diffuso contro un popolo di bambini”

4 Fevereiro 2016
Avvenire

Immigrazione, agenzia europea sul modello Usa

todos os press releases
• EVENTOS
19 Novembro 2017 | NÁPOLES, ITÁLIA

Consegna dei diplomi della Scuola di Italiano di Sant'Egidio a Napoli

19 Outubro 2017 | GENOA, ITÁLIA

Un prete nel mirino dei narcos. Incontro con Alejandro Solalinde, difensore dei diritti dei migranti in Messico

Todas as reuniões de oração pela paz
• DOCUMENTOS
Comunità di Sant'Egidio

Cinque proposte sull’immigrazione

Appello al Parlamento ungherese sui profughi e i minori richiedenti asilo

Corso di Alta Formazione professionale per Mediatori europei per l’intercultura e la coesione sociale

Omelia di S.E. Card. Antonio Maria Vegliò alla preghiera "Morire di Speranza". Lampedusa 3 ottobre 2014

Omelia di S.E. Card. Vegliò durante la preghiera "Morire di speranza"

Nomi e storie delle persone ricordate durante la preghiera "Morire di speranza". Roma 22 giugno 2014

todos os documentos

FOTOS

1359 visitas

1326 visitas

1263 visitas

1332 visitas

1317 visitas
todos os meios de comunicação relacionados