Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

Riccardi Andrea: revista de imprensa

change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
23 Dezembro 2013

AS PALAVRAS DO PAPA FRANCISCO

'Vem, Senhor! Estamos esperando ou estamos fechados?'

Estamos vigilantes ou estamos seguros num albergue, ao longo do caminho e não queremos mais ir avante? Somos peregrinos ou somos, errantes? Por esta razão, a Igreja nos convida a pedir este 'Vem!, a abrir a nossa alma, que esteja, nestes dias, vigilante, à espera.

 
versão para impressão

 "Há uma terceira vinda do Senhor: a de cada dia. O Senhor todos os dias visita a sua Igreja! Visita cada um de nós e também a nossa alma entra nesta semelhança: a nossa alma se assemelha à Igreja, a nossa alma se assemelha a Maria. Os Padres do deserto dizem que Maria, a Igreja e a nossa alma são femininas e o que se diz sobre uma, analogamente se pode dizer da outra. 

A nossa alma também está à espera, nesta expectativa pela vinda do Senhor; uma alma aberta que chama: ‘Vem, Senhor.

“E me pergunto: estamos esperando ou estamos fechados? Estamos vigilantes ou estamos seguros num albergue, ao longo do caminho e não queremos mais ir avante? Somos peregrinos ou somos, errantes? Por esta razão, a Igreja nos convida a pedir este 'Vem!, a abrir a nossa alma e que a nossa alma esteja, nestes dias, vigilante, à espera.

Vigiar! O que acontece em nós se o Senhor vem ou não vem? Há lugar para o Senhor, ou há lugar para festas, para fazer compras, fazer barulho... A nossa alma está aberta, como está aberta a Santa Mãe Igreja, e como estava aberta Nossa Senhora? Ou a nossa alma está fechada e colocamos na porta um aviso, muito educado, que diz: 'Por favor, não perturbe!

E hoje repetir muitas vezes: 'Vem!', e procurar que a nossa alma não seja uma alma que diz: 'Não perturbe'. Não! Que seja uma alma aberta, que seja uma alma grande, para receber o Senhor nestes dias e que comece a ouvir o que amanhã na antífona nos dirá a Igreja: “Saibam que hoje vem o Senhor! E amanhã vocês irão ver a sua glória".


Homilia na Santa Marta, 23 de Dezembro de 2013


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
29 Abril 2017

A nossa tarefa é rezar uns pelos outros pedindo a Deus o dom da paz

IT | ES | DE | FR | PT
23 Abril 2017

A herança viva dos mártires dá-nos hoje paz e unidade. Eles ensinam-nos que, com a força do amor, com a mansidão, se pode lutar contra a prepotência, a violência, a guerra e pode-se realizar com paciência a paz.

IT | PT
19 Abril 2017

Seremos homens e mulheres de ressurreição se, no meio das vicissitudes que o mundo experimenta — hoje há muitas — saberemos fazer gestos de solidariedade

IT | DE | FR | PT
15 Abril 2017
ROMA, ITÁLIA

Ó Cristo, nosso único Salvador, voltamos a ti também este ano com os olhos baixos de vergonha e com o coração cheio de esperança

IT | FR | PT
23 Março 2017

Sonho um novo humanismo europeu, ao qual servem memória, coragem e utopia sadia e humana.

IT | EN | ES | DE | FR | PT
9 Março 2017

A bússola do cristão é seguir a Cristo crucificado, que traz sobre si as chagas dos nossos irmãos

IT | ES | DE | FR | PT
todas as notícias
• IMPRIMIR
31 Outubro 2015
La Repubblica

Papa Francesco, Romero martire due volte: "Dopo la sua morte per mano dei vescovi"

28 Julho 2014
Il Mattino

Riccardi: svolta storica, la preghiera può unirci

4 Setembro 2013
L'Osservatore Romano

Associazioni e movimenti laicali in vista della giornata di digiuno e orazione

3 Setembro 2013
L'Eco di Bergamo

«Papa Francesco così ha spiazzato tutte le diplomazie»

22 Agosto 2013
Famiglia Cristiana

La via aperta da Francesco al dialogo tra le religioni

todos os press releases